Saúde

Cirurgia de prótese de mama: Recuperação rápida é tendência crescente na estética

Um dos temas em destaque é a prótese de recuperação rápida, também conhecida como prótese R24R

01/05/2024 10h30
Cirurgia de prótese de mama: Recuperação rápida é tendência crescente na estética

No cenário da cirurgia plástica, a busca por procedimentos que minimizem o tempo de recuperação é uma demanda crescente entre os pacientes. Um dos temas em destaque é a prótese de recuperação rápida, também conhecida como prótese R24R. Dr. Bernardo Fontes, cirurgião plástico, compartilha detalhes sobre essa abordagem inovadora.

“O que nós chamamos prótese R24R, prótese de recuperação rápida, hoje é um dos temas e das cirurgias que o meu paciente procura bastante. Com a vida moderna, a pessoa não pode ficar muito tempo fora dos seus afazeres. Nosso objetivo é tentar que a gente volte o mais breve possível de uma forma progressiva à nossa vida cotidiana.”

A prótese de recuperação rápida não é apenas uma tendência recente. O conceito foi descrito desde o ano 2000 por um cirurgião plástico dos Estados Unidos. O cirurgião destaca os critérios rigorosos para a inclusão dessa prótese, que envolvem uma avaliação minuciosa do paciente e a realização de 14 passos durante o ato cirúrgico.

“A paciente que coloca uma prótese no dia seguinte já tem uma liberdade de movimentação maior dos braços. Ela pode voltar à sua rotina leve, dirigir e até mesmo retomar atividades físicas.” explica o cirurgião.

Uma das principais distinções da prótese de recuperação rápida é a técnica de inclusão. Enquanto em outros tipos de cirurgia a prótese pode ser posicionada abaixo da glândula mamária ou abaixo do músculo peitoral, nesta abordagem, utiliza-se a parte do músculo peitoral.

“A sequência dos 14 passos é crucial, desde a analgesia até o uso de funil. É importante ressaltar que nem todos os pacientes necessitam da colocação da prótese abaixo do músculo peitoral. A decisão é tomada após uma avaliação detalhada das características da mama.”

Quanto à dor pós-operatória, o cirurgião enfatiza que ela é variável e individual, mas destaca que a liberdade de movimentação proporcionada pela técnica de recuperação rápida pode aliviar significativamente os sintomas.

“Sobre o investimento, sim, a cirurgia de recuperação rápida tem critérios e investimentos diferentes, porém, baseado no tempo de recuperação e na satisfação do paciente, é um investimento muito bem indicado.”

Comentários

Leia também

Saúde
Cardiologista alerta sobre cuidados ao medir a pressão arterial em casa

Cardiologista alerta sobre cuidados ao medir a pressão arterial em casa

O Dr. Israel Reis destacou a importância de conscientizar a população sobre os riscos...
Saúde
Nutróloga explica estratégias avançadas para emagrecimento saudável

Nutróloga explica estratégias avançadas para emagrecimento saudável

Dra. Aline Jardim enfatiza que a estética está muito avançada nesses critérios e que...
Saúde
Cardiologista explica a diferença entre ataque cardíaco e parada cardíaca

Cardiologista explica a diferença entre ataque cardíaco e parada cardíaca

O cardiologista Dr. Israel Reis esclareceu essas dúvidas durante o quadro Momento IDM...