Feira de Santana

Vigilância Sanitária tem novo contato para denúncias

A coordenadora relatou que os clientes podem expor condições higiênicas e sanitárias insatisfatórias de clínicas de saúde, hotelaria, escolas, salão de beleza, academia, óticas e demais estabelecimentos de interesse à saúde.

06/12/2023 15h36
Vigilância Sanitária tem novo contato para denúncias
Foto: divulgação

A partir deste mês, a Divisão de Vigilância Sanitária (DIVISA) tem um novo contato para denúncias. Através do número 75 3617-3165, a população feirense pode informar ao setor as situações que envolvem algum risco à saúde humana. Já para tirar dúvidas sobre o alvará, os comerciantes dos estabelecimentos de interesse à saúde devem acionar o 75 3617-3164.

A coordenadora da DIVISA, Thaís Borges, cita que as más condições de higiene ou armazenamento precário durante a comercialização dos alimentos são exemplos de circunstâncias que devem ser denunciadas.

“Os moradores devem acionar a vigilância ao observar um prazo de validade vencido, alimentos estragados ou deteriorados, sem inspeção sanitária, presença de corpos estranhos nos alimentos comercializados, presença de animais e pragas em estabelecimentos que fornecem alimentação”, explicou.

Ela destaca que para averiguar as denúncias, que podem ser feitas de forma anônima por telefone ou presencial, é necessário o endereço do lugar com ponto de referência.

“Outros problemas que também podem ser alvo de denúncias são as instalações de criações de animais que causam incômodo à população, os casos relacionados à água servida, resultantes de lavagem de roupas que vem de pias, banheiros ou a água em geral com resíduos químicos ou orgânicos, além de descarte irregular dos esgotos em via pública, como as ruas e avenidas da cidade”, mencionou Thaís.

A coordenadora ainda relata que os clientes podem expor condições higiênicas e sanitárias insatisfatórias de clínicas de saúde, hotelaria, escolas, salão de beleza, academia, óticas e demais estabelecimentos de interesse à saúde.

“É importante observar com relação às farmácias, se elas obedecem à legislação quanto à venda de medicamentos de uso controlado e de medicamentos que necessitem prescrição médica para comercialização, além de verificar se os produtos estão registrados juntos aos órgãos competentes, com prazo de validade adequado e condições de armazenamento satisfatórias”, ressaltou Borges.

Comentários

Leia também

Feira de Santana
Vereador Jurandy Carvalho confirma candidatura por novo partido após processo de expulsão do PL

Vereador Jurandy Carvalho confirma candidatura por novo partido após processo de expulsão do PL

Acompanhando o desenrolar do processo, ele levanta questionamentos sobre a justificativa...
Feira de Santana
Feira de Santana inicia aplicação de vacina contra dengue nesta quinta-feira (15); Saiba onde se vacinar
Feira de Santana
Caminhão tomba na BR-116 nesta quarta-feira (14)

Caminhão tomba na BR-116 nesta quarta-feira (14)

O acidente aconteceu por volta das 14h