Feira de Santana

Varejo feirense espera aquecer vendas com a Black Friday

Volume de vendas, que também será afetado pela Copa do Mundo

05/11/2022 18h17
Varejo feirense espera aquecer vendas com a Black Friday
Foto: Jorge Magalhaes

O varejo baiano espera faturar R$ 4,3 bilhões este mês com as vendas ligadas à Black Friday, de acordo com estimativas da Federação do Comércio (Fecomércio-BA). Se confirmado, este volume de vendas – que também será influenciado pela Copa do Mundo do Catar – é 0,5% acima do valor registrado no ano passado. Neste ano, a data promocional vai cair no próximo dia 25.

Para o presidente da Associação Comercial e Empresarial de Feira de Santana, Genildo Melo, este movimento vai gerar incremento disseminado no comércio.

“Esse ano de 2022 a Black Friday se apresenta como mais uma excelente oportunidade para os consumidores encontrarem grandes ofertas de produtos e bens duráveis bem como para os lojistas e comerciantes que tem a grande expectativa para o aquecimento de suas vendas. Ao longo do tempo a Black Friday tem se estabelecido com uma data extremamente relevante para todos os segmentos com atuação no varejo, inclusive não se limitando apenas a sexta-feira propriamente dita, mas para todo o mês de novembro.” Disse.

Para este ano, por exemplo, a tendência é de aumento de 2,3% nas vendas no setor de eletrodomésticos e Eletrônicos, para um faturamento de R$ 1,64 bilhão. Este segmento será um dos mais afetados pelo mundial de futebol.

“Em 2021 foi obtido um faturamento recorde de 7,5 bilhões de reais, crescimento de algo em torno de 7.2% em relação a edição anterior do Black Friday. Para esse ano uma expectativa é de um percentual de até 10%, considerando a variável Copa do Mundo com forte tendência para a aquisição de eletros, principalmente TVs. Portanto a Black Friday definitivamente tornou-se um evento extremamente importante dentro do calendário de datas especiais para o varejo do ponto de vista nacional, no plano regional, ou seja, para Feira de Santana e região, a Associação Comercial e Empresarial de Feira de Santana, seus associados e os comerciantes de forma geral desejam e esperam que tenhamos também um crescimento exponencial no varejo neste ano de 2022.” Explica.

Comentários

Leia também

Feira de Santana
Cesta básica em Feira de Santana registra nova queda no mês de junho

Cesta básica em Feira de Santana registra nova queda no mês de junho

Desta feita, a redução foi bastante significativa, de 6,81% em relação ao mês de maio....
Feira de Santana
Serviço de Abordagem Social realizou mais de 6 mil atendimentos entre janeiro e junho

Serviço de Abordagem Social realizou mais de 6 mil atendimentos entre janeiro e junho

No último dia 5, um senhor de 57 anos foi localizado pelas equipes e retornou à família ...
Feira de Santana
Definidas comissões do Conselho da Pessoa com Deficiência

Definidas comissões do Conselho da Pessoa com Deficiência

Um dos temas abordados foi a situação dos elevadores nos ônibus das empresas Rosa e...