Mundo

Tiroteio deixa três pessoas mortas em Paris

Outras quatro vítimas ficaram feridas

23/12/2022 13h18
Tiroteio deixa três pessoas mortas em Paris
Foto: Reprodução

Um tiroteio acabou deixando três pessoas mortas e outras quatro feridas em Paris, na França. Um atirador abriu fogo próximo a um centro comunitário curdo, um restaurante e um barbeiro localizados na capital francesa, comunicou a prefeita Alexandra Cordebard.

O ministro do Interior francês, Gerald Darmanin, disse que viajará para Paris e vai visitar o local do tiroteio.”Todos os meus pensamentos vão para as famílias das vítimas”, twittou o político.

De acordo com as informações, um homem de 69 anos foi preso pela polícia parisiense por uma suposta conexão com o incidente. A promotora de Paris, Laure Beccuau, disse que o motivo do atirador não está claro e que uma investigação foi iniciada.

Beccuau disse aos jornalistas no local que o suspeito do ataque já era conhecido da polícia como supostamente envolvido em dois incidentes: um no subúrbio parisiense de Seine-Saint-Denis e o outro em um acampamento de imigrantes em Bercy, perto do Ministério das Finanças da França.

A promotora antiterror de Paris está “avaliando” os fatos em torno do tiroteio desta sexta-feira, mas a investigação ainda está sendo conduzida pelas autoridades judiciais da cidade, informou o escritório do promotor antiterror à CNN. “Estamos avaliando os fatos para saber se o fato deve ser qualificado como ato de terrorismo”, disse o Ministério Público.

*Metro 1

Comentários

Leia também

Mundo
OMS afirma que cólera está mais preocupante que covid-19 na África

OMS afirma que cólera está mais preocupante que covid-19 na África

Em Misau, há um cumulativo de 1.376 casos de cólera e 16 óbitos; Malawi soma mais de...
Mundo
Ataques de mísseis russos matam 11 pessoas na Ucrânia

Ataques de mísseis russos matam 11 pessoas na Ucrânia

A investida ocorreu durante a madrugada desta quinta-feira (26)
Mundo
Estados Unidos decidem enviar 31 tanques M1 Abrams para a Ucrânia

Estados Unidos decidem enviar 31 tanques M1 Abrams para a Ucrânia

Governo Joe Biden afirma que veículos ajudarão ucranianos em manobras no terreno aberto...