Brasil

TCU abre investigação sobre denúncia de assédios na Caixa Econômica Federal

Então presidente da instituição, Pedro Guimarães pediu exoneração do cargo após revelação da investigação do caso no MPF

04/07/2022 13h54
TCU abre investigação sobre denúncia de assédios na Caixa Econômica Federal
Foto: Portal gov.br

O Tribunal de Contas da União (TCU) abriu apuração sobre as denúncias de assédio sexual e moral contra o ex-presidente da Caixa, Pedro Guimarães. Na semana passada, Guimarães pediu exoneração do cargo após a revelação de que o Ministério Público Federal recebeu denúncia de pelo menos cinco funcionárias denunciando as duas práticas.

No TCU, a investigação foi aberta após um pedido do Ministério Público de Contas, feito pelo subprocurador Lucas Rocha Furtado.Segundo a representação, “quando praticado no âmbito da administração pública, o assédio gera a percepção, na sociedade, de que as instituições estatais não se pautam em valores morais nem são conduzidas segundo elevados padrões de conduta”.

No processo que abre a apuração, o TCU informa que vai apurar se “o sr. Pedro Guimarães, no exercício da presidência da Caixa Econômica Federal, cometeu assédio sexual e moral contra empregadas e empregados daquela instituição financeira pública, o que, além de caracterizar prática criminosa, configura flagrante violação ao princípio administrativo da moralidade”. 

*G1

Comentários

Leia também

Brasil
Grupo feirense ultrapassa marca de 100 lojas no Brasil 

Grupo feirense ultrapassa marca de 100 lojas no Brasil 

Cinquenta anos de atuação e reconhecimento
Brasil
Mais de 23 milhões de eleitores estão aptos a votar voluntariamente 
Brasil
Presidente sanciona projeto que fixa piso salarial para enfermeiros

Presidente sanciona projeto que fixa piso salarial para enfermeiros

O texto do projeto, aprovado pela Câmara e pelo Senado, fixou em R$ 4.750 o piso nacional ...