Política

Senador quer investigar venda de refinaria baiana e apurar se há relação com joias de Michelle Bolsonaro

O senador afirmou que levará à Justiça “qualquer violação ao interesse da União, relação com a tentativa de descaminho de joias, ou qualquer ato que tenha gerado vantagens a autoridades nessa venda”

10/03/2023 07h30
Senador quer investigar venda de refinaria baiana e apurar se há relação com joias de Michelle Bolsonaro
Foto: Reprodução/Marcelo Camargo/Agência Brasil

O presidente da Comissão de Transparência, Governança e Fiscalização e Controle (CTFC) do Senado, senador Omar Aziz (PSD), nesta quinta-feira (9), anunciou que iniciará uma investigação com o intuito de apurar a entrada no território brasileiro das joias dadas de presente pelo governo da Arábia Saudita para a ex-primeira dama Michelle Bolsonaro.

“Qualquer violação ao interesse da União, relação com a tentativa de descaminho de joias, ou qualquer ato que tenha gerado vantagens a autoridades nessa venda, será levado à Justiça para punição dos envolvido”, escreveu Aziz, em uma publicação no Twitter. 

Além disso, o parlamentar afirmou que ele pretende apurar se há uma relação entre a venda da refinaria de Mataripe, na Bahia, com os presentes arábes. A destilaria de petróleo foi vendida em março de 2021 para o fundo Mubadala Capital.

“O primeiro passo da comissão será pedir documentos da Petrobras sobre a avaliação de preço abaixo do valor de mercado do ativo brasileiro para os estrangeiros”. 

*Metro 1

Comentários

Leia também

Política
Lídice da Mata é escolhida nova vice-líder do Governo na Câmara

Lídice da Mata é escolhida nova vice-líder do Governo na Câmara

Escolha da parlamentar baiana se deu pela boa relação que possui com o presidente Lula...
Política
Governo adia por três meses portaria sobre trabalho aos feriados

Governo adia por três meses portaria sobre trabalho aos feriados

Ministério do Trabalho e setores não chegaram a acordo