Política

Séculus: ACM Neto soma 61,6% em nova pesquisa; Jerônimo tem 11,7% e Roma 7,5%

Para o levantamento, foram entrevistadas 1.526 pessoas com 16 anos ou mais de forma presencial, em 72 municípios baianos

19/07/2022 11h38
Séculus: ACM Neto soma 61,6% em nova pesquisa; Jerônimo tem 11,7% e Roma 7,5%

A nova rodada da pesquisa Séculus para o Governo da Bahia, divulgada nesta terça-feira (19), coloca o ex-prefeito de Salvador, ACM Neto (União) na dianteira da corrida. No levantamento, realizado entre os dias 11 e 15 de julho de 2022, Neto soma 39,25% no cenário espontâneo, quando os nomes dos pré-candidatos não são apresentados aos entrevistados. Em segundo lugar, com 7,54%, aparece Jerônimo Rodrigues (PT). Ele é seguido por João Roma (PL), com 6,03%; Rui Costa (PT) com 1,64%; Kleber Rosa (PSOL) com 0,39%; e Giovani Damico (PCB) com 0,26%. Não sabem/não opinaram 42,27%; e Nenhum/nulo somam 2,62%.

No primeiro cenário estimulado – quando os nomes dos postulantes são apresentados – ACM Neto aparece com 61,6%, margem que elegeria o ex-prefeito em primeiro turno. Em segundo lugar, Jerônimo pontua 11,73%. João Roma tem 7,54% e ocupa a terceira posição no levantamento. Kleber Rosa (PSOL) e Giovani Damico (PCB) pontuam 0,98% e 0,39%, respectivamente. Nenhum/nulo somam 7,27% e não sabem/não opinaram 10,48%.

Outro cenário estimulado foi levantado, com os nomes de Jerônimo e Roma são associados a apoiadores, e Neto, é apresentado como candidato independente. ACM Neto também lidera, com 54%, seguido por Jerônimo – com apoio de Jaques Wagner, Rui Costa e Lula, que soma 20,45%. Com o apoio de Bolsonaro, João Roma chega a 8,58%. Nenhum/nulo somam 7,08% e não sabem/não opinaram são 9,85%.

Para o levantamento, foram entrevistadas 1.526 pessoas com 16 anos ou mais de forma presencial, em 72 municípios baianos. A margem de erro é de 2,5%, para mais ou para menos, com intervalo de confiança de 95%. O levantamento está registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob nº BA-07852/2022.

*Bahia Notícias

Comentários

Leia também

Política
Defesa de Bolsonaro entra com ação no STF para anular investigação sobre joias

Defesa de Bolsonaro entra com ação no STF para anular investigação sobre joias

A defesa do ex-presidente considera que a forma como a apuração foi instaurada pelo ministro...
Política
Moraes nega pedido de Bolsonaro para adiar depoimento à PF

Moraes nega pedido de Bolsonaro para adiar depoimento à PF

Segundo o ministro do STF, não compete ao investigado 'escolher a data e horário de seu...
Política
Israel declara Lula persona non grata, após ele comparar situação de Gaza ao holocausto

Israel declara Lula persona non grata, após ele comparar situação de Gaza ao holocausto

Ministro de Relações Exteriores classificou fala de Lula como ‘grave ataque antissemita’ ...