Feira de Santana

Procon fiscaliza vendas de fogos de artifício

Prazo de validade e classificação indicativa devem constar na embalagem

15/06/2022 12h18
Procon fiscaliza vendas de fogos de artifício
Foto: Luis Troina

Com a proximidade das tradicionais festas juninas, a procura por fogos de artifício tende a aumentar e, por isso, os consumidores devem ficar atentos para garantir uma compra segura. A Superintendência de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) orienta que os pais devem observar a classificação indicativa na embalagem na aquisição dos explosivos para crianças.

Outra dica é que o consumidor leia atentamente o rótulo dos produtos com as instruções de uso. Nesta quarta-feira, 15, os fiscais do órgão estiveram no Parque de Exposição Dr. João Martins da Silva para fiscalizar as lojas que comercializam fogos de artifício.

“Estamos observando o rótulo dos produtos para verificar se contém a classificação indicativa o prazo de validade. Produtos vencidos apresentam grande risco. Além disso, orientamos aos comerciantes que as formas de pagamento devem estar visíveis, assim como os preços”, explica o superintendente do Procon, Maurício Carvalho.

O gestor destaca ainda que as informações na embalagem dos produtos importados devem estar traduzidas para o português. “Até o momento não foram encontradas irregularidades e a fiscalização vai seguir nos próximos dias”, afirma.

Comentários

Leia também

Feira de Santana
Arraiá do Comércio de Feira de Santana terá oito dias de festa

Arraiá do Comércio de Feira de Santana terá oito dias de festa

Uma das novidades desta edição é o treinamento oferecido ao pessoal da agricultura familiar,...
Feira de Santana
Denúncias sobre abuso sexual infantil na internet batem recorde

Denúncias sobre abuso sexual infantil na internet batem recorde

De acordo com a organização não-governamental SaferNet, foram contabilizadas quase 72...
Feira de Santana
Segunda dose contra dengue já está disponível em Feira

Segunda dose contra dengue já está disponível em Feira

Até segunda-feira (20), mais de 16 mil doses contra a dengue foram aplicadas