Polícia

PRF apreende caminhão que transportava mais de 2.000 frangos irregularmente na BR-116

A ocorrência foi encaminhada para a Agência de Defesa Agropecuária do Estado da Bahia (ADAB), que ficou responsável pelas notificações necessárias e destinação das aves.

22/06/2022 12h38
PRF apreende caminhão que transportava mais de 2.000 frangos irregularmente na BR-116
Foto: Divulgação / PRF-BA

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu, na última segunda-feira (20), um caminhão carregado com 2.880 frangos vivos que eram transportados sem possuir nota fiscal e a guia de transporte animal (GTA).

Por volta das 12h50, no quilômetro 429 da BR-116, em Feira de Santana (BA), os PRFs deram ordem de parada a um caminhão, com placas de Recife (PE), que estava carregado com caixas de frangos vivos.

Ao ser abordado, o motorista não apresentou nenhum documento que comprovasse a procedência da carga, o que se configura como transporte irregular de carga viva.

A ocorrência foi encaminhada para a Agência de Defesa Agropecuária do Estado da Bahia (ADAB), que ficou responsável pelas notificações necessárias e destinação das aves.

Os fiscais da ADAB identificaram que os frangos não poderiam ser comercializados. A GTA é documento exigido pela ADAB que objetiva o controle sanitário no transporte e abate de animais para consumo humano.

Comentários

Leia também

Polícia
65ªCIPM prende suspeito por tráfico de drogas durante a Operação Alcatéia

65ªCIPM prende suspeito por tráfico de drogas durante a Operação Alcatéia

Diante dos fatos, um homem e todo o material apreendido foram apresentados à Central de...
Polícia
Polícia Civil deflagra operação contra grupo investigado por tráfico e homicídios

Polícia Civil deflagra operação contra grupo investigado por tráfico e homicídios

Dez suspeitos já foram presos, drogas apreendidas e um criminoso foi socorrido para uma...
Polícia
Guarnição da 65ª CIPM recupera veículo roubado em Feira de Santana

Guarnição da 65ª CIPM recupera veículo roubado em Feira de Santana

Sendo então apresentado à Delegacia de Furtos e Roubos, para as medidas legais.