Feira de Santana

Por reajuste salarial, professores da Uefs realizam paralisação

Com o objetivo de chamar a atenção do governo e dialogar com a sociedade, os quase 280 cursos de graduação, 180 cursos de pós-graduação e 50 mil estudantes que fazem parte do universo da educação superior das quatro instituições

31/05/2022 12h55
Por reajuste salarial, professores da Uefs realizam paralisação

Professores da Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) paralisaram as atividades e realizam um ato nesta terça-feira (31), no município. 

Aprovada em assembleias, a suspensão é parte do calendário de lutas da campanha salarial da categoria que, atualmente, luta pela retomada da mesa de negociação permanente com o governador Rui Costa e por um reajuste salarial acima da inflação.

 Com o objetivo de chamar a atenção do governo e dialogar com a sociedade, os quase 280 cursos de graduação, 180 cursos de pós-graduação e 50 mil estudantes que fazem parte do universo da educação superior das quatro instituições – Uneb, Uefs, Uesb e Uesc – estarão com as atividades acadêmicas sem funcionamento por um dia.

Mobilização e motivos para a luta

A defesa das associações docentes é que valorizar professores e universidades não é gasto, é investimento. As universidades estaduais são um patrimônio do povo baiano e no enfrentamento à pandemia provaram, mais uma vez, a importância do trabalho docente no que tange a produção científica regionalizada. Com pesquisa e extensão, docentes da Uneb, Uefs, Uesb e Uesc colaboram com o poder público, produzindo EPIs, fazendo monitoramento da doença, oferecendo atendimento às pessoas infectadas, formação e insumos voltados para sociedade civil e profissionais da saúde.

Comentários

Leia também

Feira de Santana
Infectologista reforça uso de máscara contra Covid, independente de obrigatoriedade 

Infectologista reforça uso de máscara contra Covid, independente de obrigatoriedade 

Os festejos juninos contribuíram com o aumento de casos
Feira de Santana
Prefeitura assina ordem de serviço para pacote de obras na Educação

Prefeitura assina ordem de serviço para pacote de obras na Educação

Serão beneficiadas mais seis unidades de ensino de médio e grande port