Polícia

Policias militares baianos são investigados por tráfico internacional de drogas

Ao todo, 11 mandados de busca e apreensão estão sendo cumpridos nos estados da Bahia, São Paulo e Goiás

14/06/2022 12h07
Policias militares baianos são investigados por tráfico internacional de drogas
Foto: Ascom/Polícia Federal

A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta terça-feira (14), uma operação com o objetivo de desarticular uma organização criminosa especializada no tráfico internacional de cocaína, haxixe e drogas sintéticas. A Corregedoria Geral da Segurança Pública da Bahia, através da Força Tarefa, acompanha a operação em razão de possível envolvimento de policiais militares baianos com os crimes investigados.

Cerca de 60 Polícias Federais e 30 Policiais Militares da Bahia e de São Paulo cumprem 11 mandados de busca e apreensão nos estados da Bahia, São Paulo e Goiás.

A organização é investigada em razão da remessa de cocaína enviada para Europa por meio de fundo falsos preparados em malas de viagens despachadas em voos internacionais com destino a Europa e Ásia, que partiam dos Aeroportos de Salvador, Guarulhos, Rio de Janeiro, Recife e Curitiba.

Ainda segundo informações da PF, A mesma organização criminosa era responsável pela comercialização, no Brasil, de drogas sintéticas advindas do exterior e pela produção de haxixe em imóveis improvisados no interior de São Paulo.

Os mandados judiciais foram expedidos pela 2ª Vara Federal de Salvador, que também decretou o sequestro de imóveis e bloqueios de valores em contas bancárias usadas pelos investigados.

No curso das investigações, a PF contou com o apoio das Polícias Militares da Bahia e de São Paulo, as quais participam também da deflagração da operação.

Comentários

Leia também

Polícia
Acidente envolvendo carreta carregada de combustível causa congestionamento na BR-324

Acidente envolvendo carreta carregada de combustível causa congestionamento na BR-324

Não houve feridos, mas o impacto ocasionou o vazamento da carga na via
Polícia
Homem é assassinado a tiros no bairro Aviário

Homem é assassinado a tiros no bairro Aviário

O delegado Luís Smyslov Filgueira presidiu o levantamento cadavérico e encaminhou o corpo...
Polícia
Acusado de matar ex-companheira é condenado a 39 anos de prisão

Acusado de matar ex-companheira é condenado a 39 anos de prisão

"É resposta a um crime que precisa ser combatido", diz delegada