Economia

PIX movimentou R$ 10,9 trilhões em 2022, informa BC

Valor corresponde ao dobro do montante transacionado em 2021; nova modalidade superou os boletos, mas segue bem distante do TED

24/01/2023 09h37
PIX movimentou R$ 10,9 trilhões em 2022, informa BC
Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

O PIX movimentou no total R$ 10,9 trilhões no ano passado, conforme balanço divulgado pelo Banco Central nesta segunda-feira (23). O valor médio das transações ficou em R$ 449.

A modalidade de pagamentos e transferência criada pelo BC viabilizou no ano passado mais do dobro das transações em boletos (R$ 5,3 trilhões) e também do total registrado pelo próprio PIX em 2021 (R$ 5,2 trilhões). A liderança permanece, com folga, das operações por TED, que somaram R$ 40,7 trilhões no ano passado.

O BC anunciou que, no último trimestre do ano, o sistema de transferências instantâneas superou a marca de R$ 1 trilhão por mês. Em dezembro, foram movimentados R$ 1,221 trilhão, recorde para o PIX. Parte deste avanço é atribuído ao pagamento do 13º salário. Houve 99,4 milhões de transações por PIX na véspera do fim do prazo para depositar a segunda parcela do 13º. 

Fonte: iG

Comentários

Leia também

Economia
Governo central tem superávit primário de R$ 54 bilhões em 2022

Governo central tem superávit primário de R$ 54 bilhões em 2022

Foi a primeira vez, desde 2013, que Tesouro Nacional, Previdência e Banco Central somados...
Economia
Cerca de 40% das negociações salariais não cobriram a inflação em 2022
Economia
INSS regulamenta procedimentos que servirão como prova de vida

INSS regulamenta procedimentos que servirão como prova de vida

A partir deste ano, caberá ao órgão comprovar situação do beneficiário