Brasil

PGR pede arquivamento de investigação contra líder do governo por suspeita com vacina 

A relatora é a ministra Rosa Weber

11/06/2022 02h54
PGR pede arquivamento de investigação contra líder do governo por suspeita com vacina 

A vice-procuradora-geral da República, Lindôra Araújo, se posicionou pelo arquivamento de apuração sobre as suspeitas relacionadas ao líder do governo na Câmara, Ricardo Barros (PP-PR), em negociações para a compra da vacina Convidecia, intermediada pela Belcher Farmacêutica.

Em manifestação enviada ao Supremo Tribunal Federal (STF) nesta sexta-feira (10), Lindôra Araújo afirmou que, esgotadas as investigações preliminares, “constata-se que os fatos em apuração não ensejam a instauração de inquérito” perante a corte.

“Considerando-se que inexistem indícios mínimos para se afirmar que o representado Ricardo Barros tenha atuado em benefício de pretensões privadas, não se depreende a existência do interesse de agir apto a ensejar a continuidade deste procedimento”, afirmou Lindôra.

Em uma rede social, o parlamentar afirmou “A verdade:” reproduzindo na sequência a íntegra do trecho acima de autoria da representante da PGR.

A patuleia apuração que mira Barros foi aberta a partir do relatório final da CPI da Covid, instalada no ano passado no Senado. A relatora do caso no Supremo é a ministra Rosa Weber.

*Metro1

Comentários

Leia também

Brasil
PRF ainda registra bloqueios de rodovias em ao menos sete estados

PRF ainda registra bloqueios de rodovias em ao menos sete estados

Interdições ocorrem em 73 pontos no país
Brasil
Caso Henry Borel: Mãe e padrasto da vítima vão a júri popular

Caso Henry Borel: Mãe e padrasto da vítima vão a júri popular

A decisão, no entanto, absolveu o casal da acusação de fraude processual e Monique de...
Brasil
Chega a 2.630 as urnas eletrônicas substituídas em todo país

Chega a 2.630 as urnas eletrônicas substituídas em todo país

TSE mobilizou cerca de 537 mil urnas eletrônicas em todo país