Feira de Santana

Passado de Feira de Santana é representado em exposição fotográfica no Mercado de Arte

A Prefeitura de Feira de Santana lança nesta quinta-feira, 15, a Exposição de Fotos Antigas no Mercado de Arte Popular (MAP) em comemoração ao aniversário de 189 anos do município. As imagens são das décadas de 1970 a 1980, produzidas pelo entusiasta da fotografia feirense, Antônio Magalhães (1935 – 2022). A exposição é aberta ao […]

14/09/2022 16h33
Passado de Feira de Santana é representado em exposição fotográfica no Mercado de Arte
Foto: Antônio Magalhães/ Acervo Pessoal

A Prefeitura de Feira de Santana lança nesta quinta-feira, 15, a Exposição de Fotos Antigas no Mercado de Arte Popular (MAP) em comemoração ao aniversário de 189 anos do município. As imagens são das décadas de 1970 a 1980, produzidas pelo entusiasta da fotografia feirense, Antônio Magalhães (1935 – 2022).

A exposição é aberta ao público e tem o objetivo de manter viva a memória da Princesa do Sertão. São 24 fotografias do acervo pessoal do fotógrafo, com registros de momentos históricos e da transformação do município, a exemplo da antiga feira livre, micaretas e a primeira feira no Centro de Abastecimento.

Magalhães colecionou, ao longo da sua trajetória, registros que atualmente fazem parte da antologia iconográfia de Feira de Santana. A mostra segue na próxima segunda-feira, 19, para o Museu Parque do Saber, onde poderá ser ampliada a quantidade de fotografias.

A iniciativa é da Secretaria de Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico (Settdec), por meio do Departamento de Turismo, com organização dos filhos de Antônio Magalhães – também fotógrafos – Antônio Carlos Magalhães e Jorge Magalhães, ambos colaboradores da Secretaria Municipal de Comunicação Social (Secom), onde atuam no Departamento de Fotografia.

ANTÔNIO MAGALHÃES

O repórter fotográfico Antônio Magalhães era natural de Conselheiro Lafaiete, em Minas Gerais. Foi em Feira de Santana onde residiu por 62 anos, que constituiu família e dedicou-se à profissão. Por sinal, um talentoso entusiasta da arte e memória fotográficas. O radioamadorismo foi outra paixão que exercia no cotidiano. Antônio Magalhães faleceu em fevereiro deste ano.

“Magalhães”, como era carinhosamente chamado, atuou no extinto Jornal Feira Hoje e também fundou a Associação e Sindicato dos Fotógrafos e o Observatório Astronômico Antares. O fotógrafo foi o primeiro brasileiro a registrar a passagem dos cometas Carrotec e Halley, ilustrado em dezenas de jornais e revistas do país.

Mantinha um estúdio no Mercado de Arte Popular e possuía um dos maiores acervos de fotos sobre a história de Feira, com registros desde 1968.

*Secom

Comentários

Leia também

Feira de Santana
Prefeitura inicia revitalização da lagoa Antônio Dias, no Limoeiro

Prefeitura inicia revitalização da lagoa Antônio Dias, no Limoeiro

A iniciativa é da Prefeitura de Feira de Santana em parceria com a empresa japonesa fabricante...
Feira de Santana
5ª Feira de Gastronomia e Artesanato do Feiraguay começa nesta quarta

5ª Feira de Gastronomia e Artesanato do Feiraguay começa nesta quarta

Sabores e talentos locais se encontram no evento, na Praça Presidente Médici, de 5 a...
Feira de Santana
Construtores de Feira de Santana apresentam demandas do segmento a José Ronaldo

Construtores de Feira de Santana apresentam demandas do segmento a José Ronaldo

A categoria busca Soluções para dificuldades no parcelamento de solo e liberação de...