Polícia

Operação Descontaminação: MPF-BA denuncia 18 pessoas por tráfico em contêineres para Europa

As investigações começaram em 2019, em parceria com a Polícia Federal e Receita Federal.

18/07/2022 13h33
Operação Descontaminação: MPF-BA denuncia 18 pessoas por tráfico em contêineres para Europa
Foto: Divulgação

O Ministério Público Federal (MPF) denunciou 18 pessoas que integravam dois grupos criminosos especializados no envio de cocaína em contêineres para a Europa pelo Porto de Salvador, na capital baiana. Segundo o MPF, o esquema consistia na cooptação de funcionários do porto para inserir, clandestinamente, a droga em contêineres de frutas que seriam transportados para o continente europeu por navios. 

Na denúncia, originada na Operação Descontaminação, em abril deste ano, o MPF pediu a responsabilização dos envolvidos pelos crimes de organização criminosa, associação para o tráfico, tráfico internacional de drogas, lavagem de dinheiro e falsificação de documento público. As investigações começaram em 2019, em parceria com a Polícia Federal e Receita Federal.

Na operação, foram cumpridos 12 mandados de busca e apreensão e oito mandados de prisão preventiva nas cidades baianas de Salvador, Lauro de Freitas e Feira de Santana, além dos municípios paulistas de Sorocaba, Salto, Santos e São Vicente. Quatro dos denunciados continuam presos e outros dois permanecem com monitoramento eletrônico.

De acordo com a PF, a Operação Descontaminação já realizou seis apreensões de cocaína no Brasil e no exterior, totalizando cerca de 3,5 toneladas da droga. A última apreensão ocorreu em setembro do ano passado, quando um funcionário do Terminal de Contêineres do Porto de Salvador e outros dois funcionários de empresas terceirizadas foram presos em flagrante por policiais federais quando inseriam 165 quilos de cocaína num contêiner que seria destinado à Europa.

A Justiça Federal decidirá se receberá a denúncia do MPF para instaurar a ação penal contra os denunciados.  Após instaurada, os denunciados passarão a ser réus e caberá ao juiz designado dar seguimento ao processo, o que pode resultar na condenação e na aplicação de penas previstas em lei. A denúncia atual não encerra a investigação. O MPF na Bahia e a PF continuam com as apurações sobre possíveis outros crimes e envolvimento de outras pessoas na organização criminosa.

*Bahia Notícias

Comentários

Leia também

Polícia
Mulher é presa com carga de 14 toneladas de café roubada

Mulher é presa com carga de 14 toneladas de café roubada

A carga foi levada em Rafael Jambeiro e os policiais da Decarga localizaram o material...
Polícia
Suspeitos de produzir cocaína em Jequié são mortos em confronto com polícia

Suspeitos de produzir cocaína em Jequié são mortos em confronto com polícia

Segundo PM, homens ficaram feridos na troca de tiros e foram socorridos, mas não resistiram...
Polícia
Homem tem mandado cumprido em Feira de Santana por estupro de vulnerável

Homem tem mandado cumprido em Feira de Santana por estupro de vulnerável

Denunciado apenas em 2022, o ato infracional foi praticado no ano de 2017, quando o suspeito...