Feira de Santana

Observatório de Direitos Humanos fará enfrentamento a violência e discriminação na Micareta

A iniciativa visa combater de forma efetiva a violência e a discriminação que ainda persistem em festas populares.

04/04/2023 16h07
Observatório de Direitos Humanos fará enfrentamento a violência e discriminação na Micareta
Foto: ACM

Para garantir a segurança e o respeito aos direitos humanos de todos os foliões que irão participar da Micareta de Feira, que acontece entre 20 e 23 de abril, a Secretaria Municipal de Políticas para Mulheres estará presente na avenida com o Observatório de Direitos Humanos. A iniciativa, que conta com a parceria da Ronda Maria da Penha, da Polícia Militar, visa combater de forma efetiva a violência e a discriminação que ainda persistem em festas populares.

Estima-se que cerca de 300 mil pessoas irão comparecer ao circuito por dia. O Observatório de Direitos Humanos vai atuar de forma multidisciplinar, com a presença de assistentes sociais, psicólogos, advogados e a equipe da Ronda Maria da Penha.

A equipe estará presente para registrar ocorrências de discriminação racial, violência contra mulheres, lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais, além de estar disponível para receber denúncias através dos canais de atendimento 190, 180 e 156. “O Observatório é um trabalho que visa fortalecer as políticas públicas e estabelecer um alinhamento entre as pastas envolvidas, para expandir o trabalho de combate à violação dos direitos humanos”, destaca a secretária da Mulher, Gerusa Sampaio.

Ela explica que em relação às questões raciais e LGBT, o Observatório também irá observar a nova lei que equipara injúria a crime racial, assim como as leis que amparam mulheres em situação de violência. “A proposta é que, após a realização da festa, sejam tomadas ações efetivas para diminuir as ocorrências de abuso e violência registradas na cidade”, pontua.

“O Observatório de Direitos Humanos é uma iniciativa importante para garantir que todos os foliões possam se divertir em um ambiente seguro e respeitoso. É preciso lembrar que festas populares não são desculpa para desrespeitar os direitos das pessoas, e que é papel do poder público garantir que todos sejam tratados com dignidade e respeito. A equipe do Observatório estará presente durante toda a Micareta, pronta para atender e auxiliar quem precisar”, explica a secretária.

*SECOM/PMFS

Comentários

Leia também

Feira de Santana
Desastres naturais: a importância do seguro de bens

Desastres naturais: a importância do seguro de bens

Estragos causados por desastres naturais podem ser cobertos por determinados seguros.
Feira de Santana
Publicado decreto de Situação de Emergência por conta das chuvas em Feira

Publicado decreto de Situação de Emergência por conta das chuvas em Feira

Somente na tarde desta terça foram registrados 65mm em 4 horas
Feira de Santana
Câmara de Dirigentes Lojistas realiza whorkshop com Alberto Serrentino

Câmara de Dirigentes Lojistas realiza whorkshop com Alberto Serrentino

Na edição deste ano, que será nesta quinta-feira (22), às 19h30, no teatro da CDL,...