Mundo

Número de mortos após terremoto na Turquia e na Síria chega a 3,8 mil

Depois do terremoto foram registradas ainda cerca de 50 abalos, entre elas um de magnitude 7,5

07/02/2023 12h33
Número de mortos após terremoto na Turquia e na Síria chega a 3,8 mil
Foto: Reprodução/TV Globo

As buscas e resgates das pessoas sobreviventes do terremoto que atingiu o sudeste da Turquia e o norte da Síria continuam nesta terça-feira (7). O abalo de magnitude 7,8 deixou 3.800 pessoas mortas nos dois países.

O epicentro foi registrado na Turquia, onde ao menos 2.379 pessoas morreram, segundo anunciou o vice-presidente turco, Fuat Otkay. Ao todo, ao menos 14.483 pessoas ficaram feridas.

De acordo com o ministério sírio da Saúde, em áreas controladas pelo governo, o balanço é de 1.431 feridos e 711 mortos nas províncias de Aleppo, Latakia, Hama e Tartus. 

Já nas áreas sírias controladas por rebeldes, ao menos 733 pessoas morreram e 2.100 ficaram feridas. A informação é do grupo de socorristas Capacetes Brancos.

O tremor foi sentido às 04H17 (22H17 de domingo, horário de Brasília). O epicentro foi localizado no distrito de Pazarcik, no sudeste da Turquia, a 60 km da fronteira síria. Depois do terremoto foram registradas ainda cerca de 50 abalos, entre elas um de magnitude 7,5, que impactou a região nove horas depois, quatro quilômetros a sudeste de Ekinozu. 

Comentários

Leia também

Mundo
Em carta ao congresso, Biden confronta o próprio partido para manter candidatura viva

Em carta ao congresso, Biden confronta o próprio partido para manter candidatura viva

Apesar de tentar conter as especulações, carta evita abordar a saúde do presidente,...
Mundo
Casa Branca nega alegações de que Joe Biden irá abandonar reeleição: “essa afirmação é absolutamente falsa”

Casa Branca nega alegações de que Joe Biden irá abandonar reeleição: “essa afirmação é absolutamente falsa”

O caso acontece acerca do desempenho do presidente americano no último debate contra Trump...
Mundo
Tanques e militares armados invadem palácio presidencial na Bolívia

Tanques e militares armados invadem palácio presidencial na Bolívia

Ex-presidente Evo Morales fala em golpe de Estado. Presidente do país, Luis Arce, afirmou...