Programa De Olho na Cidade

23/11/2020 - 15:26

Homens devem fazer acompanhamento regular com urologista, afirma médica

Novembro Azul
Homens devem fazer acompanhamento regular com urologista, afirma médica

Muitos homens têm receio de ir a consultas médicas por diversos motivos, algo que pode comprometer a saúde e trazer consequências ruins para o organismo. O que acontece é que, em grande parte das vezes, esse receio está relacionado a crenças populares que trazem apreensão, mas que não são verdadeiras.

Um bom exemplo disso é o que os homens pensam em relação à consulta com urologista. Muitos têm medo e adiam esse momento ao máximo, o que traz riscos para a saúde.

Em entrevista ao Portal De Olho na Cidade a médica oncologista, Ana Cláudia, reafirmou a necessidade de os homens fazerem os exames preventivos.

“O Novembro azul é uma campanha mundial, por que percebemos que o homem não tem a rotina de fazer exames periódicos, e é importante que os homens cuidem da sua saúde de forma geral. Quando o diagnóstico é precoce, o tratamento leva ao tipo mais fácil de cura. São vários tipos de câncer de próstata, a avaliação é necessária para que entendamos qual o tipo da doença, e o tipo de tratamento que vamos começar com o paciente.”, disse Ana Cláudia.

O urologista deve acompanhar o homem por toda a sua vida, assim como o ginecologista acompanha a saúde da mulher em todas as idades.

O ideal é que as consultas se iniciem durante a pré-adolescência, fase na qual o médico avalia o desenvolvimento dos órgãos reprodutores masculinos. Durante a fase adulta, as consultas têm o objetivo de fazer um acompanhamento geral de saúde, realizar exames preventivos e prevenir doenças sexualmente transmissíveis.

A partir dos 40 anos, a consulta se torna ainda mais importante, pois é após essa faixa etária que acontece a maioria dos casos de câncer de próstata.



Comentários

Leia também