Programa De Olho na Cidade

17/09/2020 - 08:51

Pesquisas em Feira geram dúvidas

Jorge Biancchi
As pesquisas realizadas em Feira de Santana, tendo em vista as eleições municipais 2020, estão gerando muita dúvida. A do Instituto Potencial Pesquisas, encomendada pelo Jornal A Tarde, aponta Zé Neto com 29%, Colbert Filho com 22%, Geilson com 9%, Roberto Tourinho com 5%, Dayane Pimentel, José de Arimatéia, entre outros, 2%. Já a Séculus, encomendada pelo Bahia Notícias, apresentou empate técnico na espontânea e uma vantagem numérica a favor de Colbert, 35% a 32%, contra Zé Neto.
 
O que mais nos chamou a atenção, foi o requisito rejeição. Colbert, na pesquisa encomendada pelo A Tarde, ficou com 54%, atrás de José de Arimatéia com 59%, Dayane Pimentel e Carlos Geilson com 52%, Zé Neto com 39 %. Já na do Bahia Notícias, 16% para Colbert, praticamente um empate técnico entre os candidatos. Dayane, Geilson e Zé Neto com números bem semelhantes, e também a questão do número de indecisos, com apenas 1,88%, e nós entendemos que em um cenário em que nem começou o horário eleitoral, a cidade não ter praticamente eleitores indecisos, foge muito da realidade das eleições. Em uma situação dentro de uma normalidade, deveríamos ter ao menos, 20% de indecisos. 
 
Duas pesquisas muito diferentes, e realizadas em um mesmo período. Acredito que pesquisas com divergências tão gritantes, não contribuem para ajudar o eleitor a entender como está o cenário no município. É preciso que os institutos reavaliem os seus modelos e métodos de pesquisas, para que os números não sejam tão divergentes. Claro que não é possível ter uma pesquisa igual em todos os quesitos, mas também não serem tão diferentes. Do jeito que foi feita, a pesquisa confunde mais do que esclarece.

Comentários

Leia também