Programa De Olho na Cidade

11/08/2020 - 16:21

Amor, festa e emoção marcam homenagem aos pais em Feira e São Gonçalo

Dia dos Pais
Amor, festa e emoção marcam homenagem aos pais em Feira e São Gonçalo

O Dia dos Pais, celebrado neste domingo (9), foi marcado por muito amor, festa e emoção em Feira de Santana e São Gonçalo dos Campos. Cerca de 120 escolas, entre públicas e privadas, se juntaram na campanha “Eu e Meu Pai: Memórias Doces da Infância”, para homenagear os papais das duas cidades.

No município feirense, as instituições enfeitaram, com laços e corações, árvores de avenidas como a Getúlio Vargas, onde também uma banda se apresentou para os papais em um minitrio nas imediações do viaduto da Avenida João Durval Carneiro e tocou, entre tantos sucessos da música brasileira, a canção ‘Meu Querido, Meu velho, Meu Amigo’, que Roberto Carlos compôs para o pai, além de músicas religiosas. Teve ainda apresentação de capoeira e declamação de poesia. A iniciativa foi autorizada pela Prefeitura Municipal. Muitas das escolas também entregaram, no modo drive-thru, mimos aos homenageados.

Pai das estudantes Ana Clara e Maria Luiza, da Escola Ativa Montessoriana, Kleiton Costa fez questão de ver a apresentação da banda. “Curti uma ‘boa música’. Foi um acalento para a cidade neste momento tão difícil. Fiquei emocionado. Tenho certeza que muita gente também ficou!”, disse.

Antônio Carlos, pai de Lara Leite, estudante da Escola João Paulo I, fez questão de ir com a filha buscar seu mimo. “Filhos são sempre uma emoção diferente a cada dia, varia de acordo com a faixa etária deles. É um amor incondicional e emocionante”, declarou. A Escola Municipal Faustino Dias Lima também participou da iniciativa. “Neste momento de pandemia, se não procurarmos realizar ações que possam amenizar a situação, o encanto, a fantasia e o sonho poderão se perder. Aproveitamos estas datas tão especiais para levar um conforto, um sorriso. Apesar das máscaras, percebemos os olhares de gratidão de toda a comunidade escolar!”, frisou a diretora Bárbara Borges.

Gestora do Centro Educacional Pró Infância, Dinah Porto, destacou que “a recepção dos pais foi muito positiva. Um ponto que marcou muito e foi muito elogiado, foi o fato de a campanha mencionar os pais falecidos. Principalmente no momento de tantas perdas. Os relatos foram todos de muito elogio!”.

Sobre a campanha “Eu e meu pai, memórias doces da infância”

A ação é inspirada na artista plástica ucraniana Snezhana Soosh, que desde pequena entendeu que seu pai não a amava e usou os sentimentos em torno disso para expressar em telas tudo que gostaria de ter vivido com ele na infância. As pinturas da artista são tidas como libertadoras. Hoje ela é mundialmente conhecida graças ao seu talento e superação.

Outras ações da campanha

As redes sociais das escolas participantes se transformaram numa verdadeira galeria de arte onde foram postadas, desde a última semana, fotos dos pais com seus filhos. No sábado (8), foi realizado um culto com o pastor Enoque Porto, às 16 horas, e uma missa com o padre Pedro Júnior, às 17 horas. As duas celebrações foram transmitidas pela internet. Houve ainda vídeos em que artistas plásticos de Feira de Santana, como Antônio Carvalho e Veroca, falam sobre o tema através de pinturas e poesias. No dia 29 de agosto as instituições irão realizar o 2° “Drive-Thru Escola Solidária”, para arrecadar alimentos e itens de higiene pessoal para famílias carentes e instituições filantrópicas. No 1º drive-thru, realizado no encerramento do primeiro semestre letivo, as escolas arrecadaram quase oito toneladas de alimentos não perecíveis, 1.235 itens de higiene pessoal, 1.005 itens de limpeza, 120 quilos de carne e 45 cobertores.

Comentários

Leia também