Programa De Olho na Cidade

31/03/2020 - 09:50

Ser professora exige mais que o domínio de conteúdo, diz educadora

Março Mulher
Ser professora exige mais que o domínio de conteúdo, diz educadora
De Olho Na Cidade
 
Durante todo este mês de março, comemorou-se o Mês Internacional das Mulheres. A data, instituída pela pela Organização das Nações Unidas (ONU) com a intenção de promover uma maior equidade de gênero suscita debates sobre o acesso à igualitário e os desafios do ser mulher na sociedade, como por exemplo, a representação das mulheres no campo acadêmico.
 
Para tratar do assunto, o De Olho Na Cidade convidou a pedagoga e coordenadora do Colégio Santo Antônio em Feira de Santana, Yris Reis, para avaliar os desafios do gênero feminino na área de produção do conhecimento.
 
"O ser educador exige um grande desafío, pois diariamente surgem novas dificuldades. Nós, enquanto mulheres educadoras, não podemos parar no tempo. Este mercado exige uma formação continuada com pesquisas e estudos, mas sem perder o foco na formação de valores. Um dos desafios é reavaliar a nossa prática, enquanto mulheres, professoras e educadoras. O principal desafío é ser referência sem perder a identidade", disse a pró Yris.
 
"Ser professora exige muito mais que o domínio de conteúdo. Exige o domínio de emoções. É uma reinvenção diária", concluiu.

Comentários

Leia também