Programa De Olho na Cidade

25/11/2019 - 13:16

O papel da radioterapia é eliminar o câncer de próstata, diz médico oncologista

Novembro Azul
O papel da radioterapia é eliminar o câncer de próstata, diz médico oncologista
Gabriel Dallas
 
As opções de tratamento curativo de homens com câncer localizado de próstata inclue a radioterapia (uso de radiação de alta energia dirigida à próstata sem a remoção da glândula). A escolha do tratamento é basicamente determinada por uma série de fatores, incluindo o estágio da doença no momento do diagnóstico, julgamento médico, preferência do paciente e os recursos disponíveis.
 
"A radioterapia é um tratamento com a intenção de curar 100% o câncer com a ultra-radiação. O papel da radioterapia é eliminar o CA. Para se definir o tratamento mais adequado ao paciente, o médico deve avaliar uma série de fatores como, o estágio da doença", afirmou o médico oncologista Gustavo Mota.
 
Segundo ele, o paciente diagnósticado com câncer deverá ser submetido a sessões diárias que podem variar de 30 a 37 sessões que duram em torno de 10 minutos. Indolor, os efeitos colaterais podem surgir a partir da décima sessão e podem ser controlados com o uso de medicação.
 
Queda de cabelo - "A radioterapia na região do crânio ocasionará a queda de cabelo, no entanto, em outras áreas o paciente não terá a perca capilar", informou o oncologista.
 
Doença silenciosa - "O câncer de próstata é uma doença traiçoeira, pois ela só apresenta os sintomas em estágio bem avançado. Por isso, mais uma vez o diagnóstico precoce se torna extremamente necessário", alerta o médico.
 
Cuidados necessários - "A partir dos 50 anos, o homem deve procurar o seu médico urologista para fazer os exames de PSA e toque retal", recomenda Dr. Gustavo.
 
Informações dos radialistas Jorge Biancchi e Valdeir Uchôa

Comentários

Leia também