Programa De Olho na Cidade

01/11/2019 - 13:34

Mês muda de cor para o câncer, mas com sinal rosa ainda para a mama

Outubro Rosa
Mês muda de cor para o câncer, mas com sinal rosa ainda para a mama
Gabriel Dallas
 
Um intenso trabalho para a conscientização sobre a importância da mamografia, descoberta precoce do câncer de mama e a cura da doença. Foi assim o mês de outubro celebrou a campanha “Outubro Rosa”, movimento mundial de alerta contra o câncer de mama.
 
Exames de mamografia, palestras, distribuição de panfletos educativos, entrevistas, incentivo à prática de exercícios físicos para uma vida mais saudável. Essas foram algumas ações que fizeram o mundo se colorir com a cor rosa e chamar a atenção das mulheres para esse mal que mesmo com todo avanço na medicina ainda mata.
 
Segundo o mastologista Dr. Flavio Amorim, a campanha foi exituôsa. "O Outubro Rosa foi importante para conscientizar as mulheres da prevenção ao câncer e cuidados com a mama", disse o mastologista alertando para o Novembro Azul. "O câncer de próstata é mais frequente no Brasil que o de mama, por isso os homens precisam fazer os exames médicos."
 
Com um total de 3.361 mamografias realizadas, a Prefeitura encerrou na quinta-feira, 31, a campanha em Feira de Santana. Durante o mês, mulheres de 50 a 69 anos de idade puderam realizar a mamografia por demanda espontânea e de forma gratuita através do Centro Municipal de Diagnóstico por Imagem (CMDI), Ambulatório do Hospital Dom Pedro de Alcântara e Centro de Pesquisa e Assistência em Reprodução Humana (CEPARH).
 
"O Outubro Rosa acolheu as pacientes de forma humanizada, e é nisso que nós acreditamos: na humanização dos atendimentos para fortalecer e melhorar o auto-estima delas com uma equipe multidisciplinar", informou a assistente social do CMDI, Sandra Pedreira Brandão.
 
Informações do radialista Valdeir Uchôa

Comentários

Leia também