Política

Moraes classifica protestos bolsonaristas como “ilícitos, antidemocráticos e criminosos”

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) afirmou que os envolvidos nos atos serão devidamente punidos

03/11/2022 15h14
Moraes classifica protestos bolsonaristas como “ilícitos, antidemocráticos e criminosos”
Foto: Carlos Moura / SCO / STF

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Alexandre de Moraes, nesta quinta-feira (3), classificou como “movimentos ilícitos, antidemocráticos e criminosos” os atos organizadas por apoiadores de Jair Bolsonaro (PL), que insistem em pedir por uma “intervenção federal” e bloquear rodovias ao redor do país.

Durante seu discurso, o ministro afirmou que estes protestos não passarão impunes e ressaltou que os envolvidos serão devidamente responsabilizados por suas ações contra o sistema eleitoral brasileiro.

“Isso é democracia, isso é alternância de poder, isso é estado democrático e aqueles que criminosamente não estão aceitando, serão tratados como criminosos, e as responsabilidades serão apuradas”, declarou.

Moraes relembrou que o presidente eleito, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), e seu vice, Geraldo Alckmin (PSB), serão diplomados no dia 19 de dezembro – uma transição do poder que já está em andamento, para que no dia 1° de janeiro eles possam assumir seus respectivos cargos oficialmente.

*Metro 1

Comentários

Leia também

Política
CCJ do Senado aprova castração química voluntária para reincidentes em crimes sexuais

CCJ do Senado aprova castração química voluntária para reincidentes em crimes sexuais

Projeto não irá para o Plenário, seguindo apenas para a Câmara dos Deputados
Política
Dias Toffoli anula decisões proferidas pela Lava-Jato contra Marcelo Odebrecht

Dias Toffoli anula decisões proferidas pela Lava-Jato contra Marcelo Odebrecht

Ministro determinou também o trancamento de todos os procedimentos penais contra o empresário....
Política
Em decisão unânime, TSE absolve Sérgio Moro e mantém mandato de senador

Em decisão unânime, TSE absolve Sérgio Moro e mantém mandato de senador

Ministros da Corte Eleitoral analisaram pedidos para derrubar a decisão do TRE do Paraná,...