Bahia

Moradores de Amélia Rodrigues pedem apoio do governador Rui Costa para construção do retorno na BR-324

Os moradores do povoado do Areal fizeram mais uma manifestação durante a visita do governador Rui Costa à Amélia Rodrigues solicitando um retorno próximo as comunidades de Rua Nova, Areal e região.De acordo com o manifestante, Thiago dos Santos, eles já cobraram o retorno a vários órgãos e autoridades. “A gente busca um retorno, próximo […]

12/05/2022 18h04
Moradores de Amélia Rodrigues pedem apoio do governador Rui Costa para construção do retorno na BR-324

Os moradores do povoado do Areal fizeram mais uma manifestação durante a visita do governador Rui Costa à Amélia Rodrigues solicitando um retorno próximo as comunidades de Rua Nova, Areal e região.
De acordo com o manifestante, Thiago dos Santos, eles já cobraram o retorno a vários órgãos e autoridades.


“A gente busca um retorno, próximo ao estabelecimento Suco de Laranja, próximo ao Quilômetro 543, os condutores que residem nesta região estão se deslocando em média de oito quilômetros, na verdade tem que ir no viaduto de Santo Amaro para voltar pra ir ao centro da cidade de Amélia Rodrigues, já fizemos várias manifestações, cobrando a prefeitura de Amélia Rodrigues, cobramos a Via Bahia, a Agência Nacional de Transporte Terrestre (ANTT) não nos recebe para tentar resolver o problema, porém a Via Bahia diz que está a disposição para tentar resolver o problema, só que depende de uma autorização da ANTT.” Disse ele.

Emerson da Cruz que também estava protestando, disse que na reunião os representantes da Via Bahia falam que querem fazer a obra, só que tem que ter o aval da ANTT.
“Existe a avaliação quintenal, e nesta avaliação a Via Bahia não cumpriu com todos os acordos assinados com a ANTT, e com isso a ANTT travou a Via Bahia e não liberou fazer a obra, com isso quem sofre é a população, nesse jogo de empurra nós moradores que estamos sendo prejudicados. Os policiais ficam no trecho que dá uma roubadinha multando os condutores e por conta destas roubadinhas acontece acidente frequente inclusive com vítimas fatais.” Disse o manifestante.
O governador Rui Costa criticou a Via Bahia. “Quem tem que tomar as providências são os órgãos competentes do governo federal que deixam a concessionária fazer o que quer na Bahia.”

A deputada estadual Olívia Portugal disse que ouviu essas reivindicações por parte de vereadores e lideranças e que está engajada nesta luta para resolver o problema que vem atrapalhando a vida dos moradores da região.

O deputado Federal Zé Neto disse que não consegui falar com ninguém do governo Federal para buscar resolver a situação. “Estou marcando uma audiência pública federal para trazer os órgãos competentes e responsáveis para trazer um solução para resolver este problema.” Disse o deputado.
*Com informações do repórter André Silva

Comentários

Leia também

Bahia
MPT realiza primeira reunião de mediação entre petroleiros e Acelen na próxima terça

MPT realiza primeira reunião de mediação entre petroleiros e Acelen na próxima terça

Encontro será telepresencial e atende a pedido feito pelo Sindicato dos Petroleiros
Bahia
Produção industrial baiana está 29,4% abaixo do período pré-pandemia

Produção industrial baiana está 29,4% abaixo do período pré-pandemia

Em outubro, conforme dados do IBGE, atividade recuou nos comparativos mensal e inter-anual,...
Bahia
Estado deposita dinheiro do Bolsa Presença para famílias de estudantes

Estado deposita dinheiro do Bolsa Presença para famílias de estudantes

Verba será disponibilizada neste sábado (10)