Feira de Santana

Justiça anula efeitos da votação sobre a recondução de procurador do município

A votação foi judicializada na última sexta-feira (10)

13/06/2022 11h57
Justiça anula efeitos da votação sobre a recondução de procurador do município

Rafael Marques

O juiz Nunisvaldo dos Santos suspendeu os efeitos da votação que aprovou a não recondução de Carlos Alberto Moura Pinho, ao cargo de Procurador Geral do Município, realizada no dia 8 de junho. Na decisão, a justiça concluiu que houve irregularidades durante a discussão, a exemplo da presença da presidente do Sindicato dos Professores no plenário da Casa, que fez uso da tribuna para se manifestar contra o retorno do advogado. A votação foi judicializada na última sexta-feira (10).

“Inúmeros desvios em relação a legalidade da apreciação do nosso nome para a recondução. A gente sabe que é uma ação política. Ilegalidades desse tipo, não podem prevalecer”, disse Moura Pinho ao De Olho na Cidade.

Comentários

Leia também

Feira de Santana
Infectologista reforça uso de máscara contra Covid, independente de obrigatoriedade 

Infectologista reforça uso de máscara contra Covid, independente de obrigatoriedade 

Os festejos juninos contribuíram com o aumento de casos
Feira de Santana
Prefeitura assina ordem de serviço para pacote de obras na Educação

Prefeitura assina ordem de serviço para pacote de obras na Educação

Serão beneficiadas mais seis unidades de ensino de médio e grande port