Política

Jair Bolsonaro ironiza carta pela democracia: ‘Lida na micareta do PT’

‘Tem a mesma relevância que uma carta contra as drogas assinada pelo Zé Pequeno’, acrescentou

12/08/2022 07h27
Jair Bolsonaro ironiza carta pela democracia: ‘Lida na micareta do PT’

A carta pela democracia, lida durante a manhã de quinta-feira (11) na Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), e em diversas partes do país, recebeu mais de 1 milhão de assinaturas. O ato, no entanto, foi duramente criticado pelo presidente Jair Bolsonaro (PL) e seus aliados.

Nas redes sociais, o chefe do Executivo ironizou o documento ao dizer que “acredita que a ‘carta pela democracia’, que foi lida na micareta do Partido dos Trabalhadores, teve algumas páginas rasgadas”. “Principalmente nas partes em que deveriam repudiar o apoio, inclusive financeiro, a ditaduras como Cuba, Nicarágua e Venezuela, bem como controle da mídia/internet”, disse Bolsonaro.

Ainda na publicação, compartilhada na noite de quinta (11), no Twitter, o presidente aproveitou para estender as críticas ao PT. “Assinar uma carta pela democracia enquanto apoia regimes que a desprezam e atacam os seus pilares tem a mesma relevância que uma carta contra as drogas assinada pelo Zé Pequeno, ou um manifesto em defesa das mulheres assinado pelo Maníaco do Parque”, acrescentou.

Bolsonaro também comentou o ato em sua live semanal, transmitida ontem nas redes sociais. Ele segurava um exemplar da Constituição de 1988. “O Brasil já tem sua carta pela democracia: a Constituição. Essa é a única carta que importa na garantia do estado democrático de direito, mas foi justamente ela que foi atacada pelos que agora promovem um texto paralelo que, para efeitos legais, vale menos que papel higiênico”, disse.

“Das duas uma, ou a esquerda repentinamente se arrependeu de suas ameaças crônicas à nossa democracia, como os esquemas de corrupção, os ataques à propriedade privada e a promoção de atos violentos, ou trata-se de uma jogada eleitoral desesperada. O golpe tá aí, cai quem quer”, concluiu o presidente.

*Bahia.ba

Comentários

Leia também

Política
Quaest: Lula mantém liderança, com 46% dos votos; Bolsonaro oscila para 33%

Quaest: Lula mantém liderança, com 46% dos votos; Bolsonaro oscila para 33%

Em uma simulação de segundo turno, Lula aparece cm 52% e Bolsonaro, com 38%
Política
Debate na TV Bahia é marcado por ataques à declaração de pardo de ACM Neto

Debate na TV Bahia é marcado por ataques à declaração de pardo de ACM Neto

"Você devia ter dignidade para assumir que errou e corrigir (sua auto declaração racial...
Política
Pesquisa Atlas para presidente: Lula tem 48,3%; e Bolsonaro, 41%

Pesquisa Atlas para presidente: Lula tem 48,3%; e Bolsonaro, 41%

Levantamento foi feito com 4.500 entrevistados via web entre os dias 22 e 26 de setembro;...