Política

Israel declara Lula persona non grata, após ele comparar situação de Gaza ao holocausto

Ministro de Relações Exteriores classificou fala de Lula como ‘grave ataque antissemita’

19/02/2024 11h05
Israel declara Lula persona non grata, após ele comparar situação de Gaza ao holocausto
Foto: Ricardo Stuckert / PR

Após o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) comparar a situação dos palestinos na Faixa de Gaza ao holocausto, o governo de Israel declarou, nesta segunda-feira (19), que o brasileiro é “persona non grata” no país.

“Não perdoaremos e não esqueceremos – em meu nome e em nome dos cidadãos de Israel, informei ao Presidente Lula que ele é uma persona non grata em Israel até que ele peça desculpas e se se retrate”, escreveu o ministro das Relações Exteriores de Israel, Israel Katz, nas redes sociais.

“A comparação do presidente brasileiro Lula entre a guerra justa de Israel contra o Hamas e as ações de Hitler e dos nazistas, que exterminaram 6 milhões de judeus, é um grave ataque antissemita que profana a memória daqueles que morreram no Holocausto”, emendou.

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, também rechaçou a fala do brasileiro. “Comparar Israel ao Holocausto nazista e a Hitler é ultrapassar uma linha vermelha. Israel luta por sua defesa e garantia do seu futuro até a vitória completa”, declarou.

A reação ocorreu após Lula classificar as ações de Israel em Gaza como “genocídio” e comparar com o extermínio dos judeus pelos nazistas na Segunda Guerra Mundial. “O que está acontecendo na Faixa de Gaza e com o povo palestino não existe em nenhum outro momento histórico. Aliás, existiu: quando o Hitler resolveu matar os judeus”, disse o líder brasileiro, durante entrevista em Adis Abeba, na Etiópia, onde participou da 37ª Cúpula da União Africana.

*Bahia.ba

Comentários

Leia também

Política
Lula sanciona, com veto, projeto que proíbe saidinha de presos

Lula sanciona, com veto, projeto que proíbe saidinha de presos

Trecho que impede visita a familiares foi vetado pelo presidente
Política
Audiência pública debate políticas públicas para literatura periférica na Assembleia Legislativa

Audiência pública debate políticas públicas para literatura periférica na Assembleia Legislativa

Evento proposto pelo deputado Robinson Almeida acontece na sexta-feira, dia 12, às 9h ...
Política
PP declara apoio a Zé Neto em Feira de Santana

PP declara apoio a Zé Neto em Feira de Santana

O presidente estadual do partido, Mário Negromonte Jr, anunciou o apoio em suas redes...