Política

Ipec: Lula mantém liderança com 44% no primeiro turno; Bolsonaro aparece com 32%

Ciro Gomes (PDT) vem em seguida, com 7% das intenções

30/08/2022 07h17
Ipec: Lula mantém liderança com 44% no primeiro turno; Bolsonaro aparece com 32%
Foto: Divulgação

O ex-presidente Lula (PT) permanece liderando com 44% das intenções de voto a eleição para a Presidência da República em 2022, segundo a Pesquisa Ipec, divulgada nesta segunda-feira (29) e encomendada pela Globo. O presidente Jair Bolsonaro (PL) aparece com 32%

Ciro Gomes (PDT) vem em seguida, com 7% das intenções. Simone Tebet (MDB) tem 3%, e Felipe d’Avila (Novo), 1%. Tebet, assim, está empatada tecnicamente com Ciro e d’Avila no limite da margem de erro, que é de dois pontos percentuais para cima ou para baixo.

Os nomes de Constituinte Eymael (DC), Léo Péricles (UP), Pablo Marçal (PROS), Roberto Jefferson (PTB), Sofia Manzano (PCB) e Soraya Thronicke (União Brasil) foram citados, mas não atingiram 1% das intenções de voto cada um.

Em um possível segundo turno, Lula (PT) venceria Bolsonaro com 50%, uma diferença de 13% a mais contra o atual presidente, que aparece com 37%, segundo a pesquisa do Ipec, divulgada nesta segunda-feira (29), encomendada pela Globo.  Brancos e nulos são 9% e os 4% restantes não sabem ou não responderam.

Lula oscilou um ponto para baixo e Bolsonaro dois pontos para cima em relação à pesquisa anterior, divulgada no dia 15. As duas variações estão dentro da margem de erro, de dois pontos percentuais.

A pesquisa ouviu 2.000 pessoas entre os dias 26 e 28 de agosto em 128 municípios. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos, considerando um nível de confiança de 95%. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o código BR-01979/2022.

Bahia.ba

Comentários

Leia também

Política
STF forma maioria para confirma decisão de Zanin que suspendeu liminar contra desoneração

STF forma maioria para confirma decisão de Zanin que suspendeu liminar contra desoneração

Prazo dado por Zanin foi para a efetivação de acordo entre governo e Congresso sobre...
Política
“O PT promete muito, mas não entrega o prometido”, diz João Roma

“O PT promete muito, mas não entrega o prometido”, diz João Roma

Roma mencionou a falta de cumprimento das promessas feitas durante as campanhas eleitorais....
Política
CCJ da Câmara adia votação de PEC que criminaliza qualquer quantidade de drogas

CCJ da Câmara adia votação de PEC que criminaliza qualquer quantidade de drogas

Governistas obstruíram e conseguiram segurar a votação na comissão. Análise deve ficar...