Polícia

Homem é preso após matar e extrair carne de sucuri de 5 metros na Bahia

Suspeito publicou vídeo nas rede sociais e, a partir deste registro, moradores denunciaram crime ambiental à polícia.

11/08/2022 10h11
Homem é preso após matar e extrair carne de sucuri de 5 metros na Bahia
Foto: Divulgação/Polícia Militar

Um homem foi preso, na noite de quarta-feira (10), após gravar e publicar nas redes sociais um vídeo em que aparece extraindo a carne de uma sucuri de 5 metros, no bairro Campo Verde, em Santa Cruz Cabrália, município do sul da Bahia. 

De acordo com a Polícia Militar, a cobra foi capturada no Rio Yaya, em uma Unidade de Conservação Ambiental. O vídeo foi postado no último domingo (7). Nas imagens, a cobra já está sem vida, quando o homem tira a pele dela.

O suspeito de crime ambiental foi encontrado depois que a polícia recebeu denúncias de moradores. Quando questionado pelos policiais, o homem afirmou que tinha matado a cobra e distribuído a carne entre seus amigos e vizinhos.

Ainda segundo a Polícia Militar, ele disse que sabia que a ação era um crime ambiental. A pele do animal foi encontrada ainda em posse do suspeito. Ele foi levado para a Delegacia de Porto Seguro, e foi autuado por infringir a lei que proíbe a caça, a perseguição e a utilização de espécimes da fauna silvestre sem autorização dos órgãos competentes.

Comentários

Leia também

Polícia
Eleições 2022: Pelo menos 25 pessoas são conduzidas à Delegacia por suspeita de cometerem crimes eleitorais

Eleições 2022: Pelo menos 25 pessoas são conduzidas à Delegacia por suspeita de cometerem crimes eleitorais

As principais denúncias durante o pleito são referentes à realização de boca de urna...
Polícia
Polícia Civil registra poucas ocorrências neste domingo (2)

Polícia Civil registra poucas ocorrências neste domingo (2)

Segundo o coordenador da Policia Civil, Roberto Leal, tudo ocorreu como esperado
Polícia
Rondesp Leste apreende transporte irregular de eleitores em Feira

Rondesp Leste apreende transporte irregular de eleitores em Feira

O flagrante aconteceu na manhã deste domingo (2).