Bahia

Governo do Estado publica editais do São João da Bahia 2023 

São para contratação e seleção de bandas e artistas

28/04/2023 06h30
Governo do Estado publica editais do São João da Bahia 2023 

O Governo do Estado da Bahia publicou, na edição do Diário Oficial desta quinta-feira (27), quatro editais referentes ao São João da Bahia e demais festejos juninos, que se realizarão nos meses de junho e julho em Salvador. São editais para a seleção e contratação de bandas e artistas, grupos de samba junino, trios/quartetos nordestinos, além do edital de decoração do Centro Histórico da capital baiana.

O projeto São João da Bahia 2023 é promovido pelo Governo do Estado, por meio da Superintendência de Fomento ao Turismo do Estado da Bahia (Sufotur). Cada edital tem suas particularidades. No entanto, todos têm inscrições abertas em 28 de abril até o dia 12 de junho. O governador Jerônimo Rodrigues usou as redes sociais para falar sobre a publicação do edital, nesta quinta (27). “Turma do São João, que curte e pratica a cultura, estou aqui para anunciar a publicação de edital para os festejos juninos. Investiremos quase R$ 1,5 milhão em quatro editais. Vamos valorizar nossos artistas no maior São João de todos os tempos, em homenagem a Zelito Miranda”.

Nos editais podem participar pessoas jurídicas e físicas que atendam às exigências contidas no texto publicado. Somente serão aceitas inscrições feitas presencialmente e mediante apresentação de todos os documentos requisitados. Podem ser feitas com preenchimento de formulário disponibilizado no endereço eletrônico http://www.sufotur.ba.gov.br, acompanhado da documentação de regularidade jurídico-fiscal e do material artístico, e entregues no protocolo-geral da Sufotur (3ª Avenida, nº 390, Térreo, CAB), das 8h30 às 18h. A divulgação dos selecionados acontece no dia 14 de junho. A seleção tem o objetivo de compor a grade da programação artística dos eventos realizados e patrocinados pelo estado da Bahia entre os dias 22 de junho e 2 de julho em Salvador.

Pela primeira vez, o Governo da Bahia abre concurso para seleção e contratação de trios ou quartetos nordestinos. O concurso é valido para grupos formados por três ou quatro artistas, executando músicas com instrumentos típicos (triângulo, zabumba e sanfona ou violão). Identificadas popularmente como trios nordestinos, as atrações fazem parte dos tradicionais festejos juninos, com repertório composto com as matrizes tradicionais/cancioneiro nordestino, a exemplo do baião, xote, arrasta-pé, xaxado, coco, forró e toada. Ao todo, neste edital, referente a Salvador, serão investidos 255 mil reais divididos entre 30 atrações, que recebem oito mil e quinhentos reais cada.

Para os grupos de samba junino, o Estado da Bahia investe 250 mil reais, que serão divididos entre 34 atrações artísticas, distribuídas entre quatro categorias que premiam de 5 mil até 15 mil reais. Serão analisados critérios como portfólio (release, currículo, clipagem, meios de comunicação diversos); audição do material disponibilizado em áudio (CD) ou vídeo (DVD) e análise da concepção artística do candidato, envolvendo performance no palco, figurino, empatia com o público e produção geral.

Para bandas e artistas, no material para inscrição, é necessário conter release, material fonográfico, por meio de pen-drive, CD, DVD ou links de plataformas digitais, fotos durante apresentações anteriormente realizadas e, quando possível, registro audiovisual e recortes de jornais, revistas, clipagem de sites e outros meios que possam comprovar a atuação do artista. Ao todo, neste edital, serão investidos 400 mil reais, divididos entre 34 atrações, em quatro categorias que recebem de 5 mil a 15 mil reais.

Para o concurso de decoração do Centro Histórico de Salvador, o Governo do Estado disponibiliza 500 mil reais. A proposta deve conter a planta situacional da área decorada, com a distribuição das peças decorativas; detalhamento das peças decorativas individualmente e perspectiva de cada tipo de peça decorativa no local onde será fixada. Serão avaliados critérios como: estética junina (decoração que estiver reproduzindo a cultura típica e clima de São João. Ex.: bandeirolas, balões, fogueira, milho e bonecos caipiras), originalidade, criatividade e inovação (capacidade inventiva e de ineditismo da proposta, a originalidade e a utilização de materiais inusitados na composição da ornamentação, bem como a criatividade no emprego de tais materiais em torno do tema junino).

Foto: Antônio Queirós/GOVBA

Comentários

Leia também

Bahia
Inspirada nos jogos olímpicos, Hemoba lança campanha para abastecer estoque de sangue

Inspirada nos jogos olímpicos, Hemoba lança campanha para abastecer estoque de sangue

Objetivo é que os valores olímpicos de solidariedade, respeito mútuo e dedicação inspirem...
Bahia
Beyoncé doa R$ 150 mil em bolsas estudantis para Salvador

Beyoncé doa R$ 150 mil em bolsas estudantis para Salvador

Projeto tem como iniciativa apoiar estudantes em situação de vulnerabilidade socioeconômica ...
Bahia
Associados com cartões Sicredi têm desconto de 20% na aquisição dos ingressos da turnê PaGGodin, de Léo Santana