Educação

Governo começa estudo para criar ‘Enem para concursos públicos’

Seleção unificada seria aplicada em 180 cidades brasileiras e aprovados ocupariam posições m diversos setores governamentais, como ministérios e autarquias

25/08/2023 10h27
Governo começa estudo para criar ‘Enem para concursos públicos’
Foto: Pixabay/Pexels

Nesta sexta-feira, 25, o Ministério da Gestão e Inovação em Serviços Públicos deu início a discussões com outros órgãos do governo federal a respeito da concepção de um “concurso nacional unificado”.

Caso seja aprovada, a proposta atual prevê que o exame seja conduzido em 180 cidades diferentes. Os candidatos que alcançarem colocação satisfatória teriam a oportunidade de ocupar posições em diversos setores governamentais de alcance federal, englobando ministérios e autarquias.

De acordo com informações advindas do próprio Ministério da Gestão, a intenção subjacente é formular algo semelhante ao atual Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), cujas pontuações são aceitas por inúmeras faculdades e universidades em todo o território nacional, substituindo os exames de admissão convencionais.

Os detalhes fornecidos pelo governo até o momento não clarificam se a proposta em fase de análise contempla limitações para esse hipotético exame unificado. Isso inclui possíveis restrições para carreiras no âmbito policial, jurídico e nas denominadas “carreiras de Estado”, a exemplo de diplomacia e auditoria da Receita.

Até o presente momento, o governo não forneceu informações quanto a uma possível data limite para deliberar sobre a realização desse concurso unificado.

Conforme afirmou José Celso Cardoso Jr., o secretário de Gestão de Pessoal do ministério, essa empreitada é “inovadora” pelo fato de procurar estabelecer uma concordância e uniformização nos procedimentos e desfechos das seleções, que atualmente são gerenciadas por entidades diversas, cada qual com suas próprias diretrizes específicas para os distintos órgãos federais.

“[…] Com essa estratégia, nós pretendemos atrair pessoas que jamais teriam em outras condições, oportunidade de concorrer a uma vaga no setor público”, diz.

*Bahia.ba

Comentários

Leia também

Educação
Professores de universidades estaduais paralisarão atividades na quinta-feira (18)

Professores de universidades estaduais paralisarão atividades na quinta-feira (18)

Docentes reivindicam o pagamento de perdas salariais que se acumulam há quase uma década,...
Educação
Prefeitura amplia em 252% número de vagas para Educação em Tempo Integral

Prefeitura amplia em 252% número de vagas para Educação em Tempo Integral

Ao todo, 32 escolas da rede municipal oferecem a modalidade
Educação
Professores anunciam greve em universidades federais nesta segunda-feira; UFSB e UFRB estão na lista

Professores anunciam greve em universidades federais nesta segunda-feira; UFSB e UFRB estão na lista

A categoria exige reajuste salarial de 22%, a ser dividido em três parcelas iguais de...