Política

Flávio Dino pede abertura de inquérito na PF para investigar assassinatos de Marielle Franco e motorista

Os esforços para solucionar o crime foram promessas feitas por Dino ao assumir o ministério

23/02/2023 08h30
Flávio Dino pede abertura de inquérito na PF para investigar assassinatos de Marielle Franco e motorista
Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino, anunciou, nesta quarta-feira (22), que determinou a abertura de um inquérito na Polícia Federal (PF) para apurar o assassinato da vereadora Marielle Franco e seu motorista, Anderson Gomes. O crime aconteceu em 2018, no Rio de Janeiro, e ainda segue sem solução.

“A fim de ampliar a colaboração federal com as investigações sobre a organização criminosa que perpetrou os homicídios de Marielle e Anderson, determinei a instauração de inquérito na Polícia Federal. Estamos fazendo o máximo para ajudar a esclarecer tais crimes”, disse o ministro em seu perfil no Twitter.

De acordo com a portaria divulgada por Dino, o responsável por conduzir o inquérito na PF será o delegado Guilhermo Catramby. Ainda segundo o ministro, um acordo entre a Polícia Federal e o Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ) foi costurado para que haja cooperação entre os órgãos na investigação.

Os esforços para solucionar o crime foram promessas feitas por Dino ao assumir o ministério. Em seu discurso de posse, ele disse ser uma “questão de honra do Estado brasileiro”.

No começo do mês, o chefe da pasta criou uma força-tarefa para investigar o caso. Faziam parte dela investigadores da Polícia Civil do Rio, promotores do Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do MPRJ e integrantes da PF.

*Metro 1

Comentários

Leia também

Política
PEC que perdoa dívidas de partidos políticos é aprovada na Câmara

PEC que perdoa dívidas de partidos políticos é aprovada na Câmara

Segundo estimativa da ONG da Transparência Partidária, o montante total das multas pode...
Política
“Temos que tirar Feira do isolamento, especialmente interno”, afirma Zé Neto

“Temos que tirar Feira do isolamento, especialmente interno”, afirma Zé Neto

Confrontado com críticas sobre as alianças com o estado e a União, que, segundo adversários,...
Política
Prisões de funcionários da Abin são realizadas mesmo com oposição da Procuradoria Geral da República

Prisões de funcionários da Abin são realizadas mesmo com oposição da Procuradoria Geral da República

Procuradoria Geral da República alega que medidas alternativas seriam suficientes para...