Polícia

Esposa de empresário executado na Fraga Maia é ouvida pela polícia

O depoimento durou 3 horas

15/03/2023 12h25
Esposa de empresário executado na Fraga Maia é ouvida pela polícia
Foto: Reprodução / Instagram

A esposa do empresário Marcos Marinho, morto a tiros no último domingo (12), em um restaurante na avenida Fraga Maia, foi ouvida pela Polícia Civil nesta quarta-feira (13). Em coletiva de imprensa, o Delegado Rodolfo Faro afirmou que a mulher possui poucas informações com relação a identificação dos indivíduos que cometeram o crime.

“O crime aconteceu de forma muito rápida e inesperada. Ela estava nas proximidades aguardando ele se dirigir até motocicleta enquanto fazia uma postagem nas redes sociais. Infelizmente ela tem poucas informações nesse sentido, até porque os indivíduos chegaram em um veículo de vidros escuros, portando luvas, máscaras e cobrindo o rosto”.

Ainda de acordo com o delegado, a esposa nega que o empresário sofria algum tipo de ameaça. Ele explicou também que no momento do assassinato ela estava com a arma do esposo de forma ilegal.

“Pela vestimenta que ele utilizava não reunia condições de portar arma. E ele não tinha porte de arma de fogo, era atirador esportivo. Então ela estava utilizando de maneira ilegal”, disse.

O delegado explicou que a polícia utiliza várias linhas de investigações para elucidar o crime, apurando também sobre a vida pregressa da vítima.

“A polícia tem várias linhas de investigação. Estamos na fase preliminar, e essa é uma das linhas: a vida pregressa da vítima está sendo investigada e foram constatados algumas ocorrências, processos, inquéritos policiais relacionados a esse tipo de conduta e isso pode ter sido a motivação, mas não descartamos nenhum outro motivo. Ela foi ouvida em complementação à primeira entrevista que foi mantida na noite de segunda-feira, e hoje foi coletado o maior número de informações possíveis que pode ajudar a esclarecer não só a motivação, como também os seus autores. Por aparentemente ter sido um crime praticado por profissionais cercado de maiores cautelas, a polícia busca informações nas imediações do local do crime, em parceria com outros órgãos”.

*Com informações do repórter Sotero Filho

Comentários

Leia também

Polícia
Comerciante relata terror após ser vítima de sequestro em Feira de Santana

Comerciante relata terror após ser vítima de sequestro em Feira de Santana

O prejuízo financeiro causado pelo sequestro é estimado em torno de oitenta mil reais....
Polícia
PRF apreende carro trafegando com placas clonadas em Feira de Santana

PRF apreende carro trafegando com placas clonadas em Feira de Santana

Com ajuda do sistema PRF, os policiais identificaram a placa original do veículo de Diadema...
Polícia
Lamborghini é interceptada após passar em 2 praças de pedágio na BR 324 sem pagar a tarifa

Lamborghini é interceptada após passar em 2 praças de pedágio na BR 324 sem pagar a tarifa

O automóvel avaliado em mais de R$ 3 milhões estava sem as placas e o motorista não...