Cultura

Espetáculo “Viramundo” do Balé Castro Alves estreia em Feira de Santana

Espetáculo que homenageia os 80 anos de Gilberto Gil tem sua primeira apresentação no interior da Bahia

05/12/2022 13h35
Espetáculo “Viramundo” do Balé Castro Alves estreia em Feira de Santana
Foto: Divulgação/BTCA

O espetáculo “Viramundo”, do Balé Teatro Castro Alves (BTCA), chega a Feira de Santana no dia 7 de dezembro (quarta-feira), às 20h, no SESC Feira Centro. Essa é a primeira apresentação da mais nova montagem da companhia oficial de dança da Bahia no interior do estado. O ingresso será trocado por 1kg de alimento.

Estreado em julho e com nova temporada de sucesso em outubro na Sala Principal do Teatro Castro Alves (TCA). A montagem celebra os 80 anos de Gilberto Gil e é inspirada pela riqueza da obra deste imortal baiano, sob direção e criação coreográfica de Duda Maia e música original do maestro Ubiratan Marques, executada pela Orquestra Afrosinfônica. Todo o elenco do BTCA está em cena, ressoando as danças que Gilberto Gil, em sua figura e em sua produção, desperta em seus corpos.

Um roteiro musical dançado – ou um roteiro de dança musicada – nasce do acordo criativo entre Duda e Ubiratan. Na conexão entre ancestralidade e futuro, raízes e profecias, sertão e litoral, ecologias e tecnologias, despontam a diversidade, a atemporalidade, a generosidade.

“Mais do que transformar a obra de Gil em dança, a ideia foi de apropriar a musicalidade e produzi-la com o corpo. Achar essa dança Gil, esse corpo Brasil, que é futurista, que é ciência, que é sertão, que é Tropicália, que é fala, que é protesto, todos esses elementos que estão muito fortes no caminho que Gil traçou. Essa foi a grande aventura: trazer uma assinatura de cada corpo dançante a partir da pesquisa da musicalidade e do conteúdo desse ícone, esse rei”, revela Duda Maia, diretora que conduziu uma verdadeira imersão com o BTCA durante dois meses de processo criativo.

Para a criação da trilha sonora original, nascida dos embriões que Gil inventa e ecoa, Ubiratan Marques se baseou em três movimentos de percepção da obra do homenageado: o 1º movimento, Sertão; o 2º, Tropicália; e o 3º, Expresso 2222. São sonoridades que representam sua leitura e remetem às características próprias de Gilberto Gil, misturadas a trechos de suas canções em novos arranjos. A Orquestra Afrosinfônica executa a música, gravada para a circulação fora de Salvador.

“Perseguimos uma obra essencialmente brasileira, e a textura, a qualidade de movimento, quer trazer o espectador para dentro da cena. Diminuímos a distância entre quem vê e quem está no palco”, destaca a diretora.

SERVIÇO:

VIRAMUNDO
Balé Teatro Castro Alves
Quando: 7 de dezembro de 2022 (quarta-feira), às 20h
Onde: SESC Feira Centro (Praça Carlos Bahia, s/n – Centro – Feira de Santana. Tel.: 75 3602-0028)
Quanto: 1kg de alimento
Classificação indicativa: 12 anos

*com informações da Assessoria de Comunicação

Comentários

Leia também

Cultura
Djalma Ferreira lança single no clima junino

Djalma Ferreira lança single no clima junino

‘Saudade Doida’ estar disponível nos sites SuaMusica e Palco MP3, no canal do cantor...
Cultura
Lane Franco lança CD interpretando clássicos do forró

Lane Franco lança CD interpretando clássicos do forró

Depois do sucesso do primeiro CD da carreira, que atingiu a marca de 100 mil plays nos...
Cultura
2º Canta Feira consolida a cidade como referência da música gospel no Brasil, avaliam organizadores  

2º Canta Feira consolida a cidade como referência da música gospel no Brasil, avaliam organizadores  

Além de evangelizar entre familiares e amigos, o Canta Feira é, segundo Zé Neto, “uma...