Saúde

Especialista aponta ozonioterapia como abordagem revolucionária para o alívio das dores crônicas

A fisioterapeuta e naturopata Joselia Rodrigues, especialista em ozonioterapia, compartilha suas experiências e abordagens inovadoras nesta área.

24/05/2024 20h00
Especialista aponta ozonioterapia como abordagem revolucionária para o alívio das dores crônicas

No mundo da saúde, novas terapias emergem constantemente para proporcionar alívio e cura para diversas condições. Entre essas, a ozonioterapia tem ganhado destaque por sua eficácia no tratamento de dores crônicas e agudas. A fisioterapeuta integrativa Joselia Rodrigues, especialista em ozonioterapia, compartilha suas experiências e abordagens inovadoras nesta área.

“A dor pode ser aguda, quando resulta de uma queda, por exemplo, gerando uma inflamação que é resolvida em pouco tempo. No entanto, quando a dor persiste por três a seis meses, ela se torna crônica”, explica Joselia. Muitos pacientes, segundo ela, são informados de que não há como reverter o quadro de dor crônica, mas sua abordagem oferece uma nova esperança.

Joselia destaca a importância de entender os sinais e sintomas do paciente, bem como a origem e frequência da dor.

“Precisamos saber se essa dor interfere no trabalho do paciente, o que geralmente indica uma dor crônica. Além disso, investigamos o ‘terreno biológico’, que inclui o estado do intestino, pois ele está associado a muitas dores e doenças crônicas”, detalha a especialista.

A avaliação do estado nutricional do paciente também é crucial.

“Precisamos verificar se os níveis de vitaminas e minerais estão normais, como a vitamina B12 e o complexo B, que são essenciais para o bem-estar. Muitos médicos prescrevem B12, e eu utilizo a metilcobalamina, a forma ativa da vitamina”, acrescenta.

Além dos aspectos nutricionais, Joselia enfatiza a necessidade de corrigir possíveis desvios na coluna vertebral.

“Uma lesão na coluna pode afetar outras partes do corpo, como joelhos e ombros, e até causar enxaquecas. Portanto, alinhamos a coluna vertebral como parte do tratamento”, afirma.

A ozonioterapia se destaca como uma solução rápida e eficaz. “O ozônio é altamente anti-inflamatório e analgésico, proporcionando alívio imediato da dor. Por exemplo, em casos de artrose de joelho ou ciatalgia, injetamos ozônio diretamente no local afetado e alinhamos a coluna. A dor cessa rapidamente, e em casos agudos, uma ou duas aplicações são suficientes para a cura”, explica Joselia.

Ela também menciona a aplicação do ozônio na glândula timo, que ajuda na produção de hormônios do prazer, como serotonina e dopamina, melhorando o bem-estar emocional do paciente.

“Isso é especialmente importante no tratamento de depressão associada a dores crônicas”, conclui.

Comentários

Leia também

Saúde
Especialista fala sobre os riscos que fogos de artifícios e a fumaça podem causar à saúde

Especialista fala sobre os riscos que fogos de artifícios e a fumaça podem causar à saúde

Conheça os perigos que os fogos de artifícios e fumaça da fogueira podem causar à nossa...
Saúde
Cardiologista alerta sobre cuidados ao medir a pressão arterial em casa

Cardiologista alerta sobre cuidados ao medir a pressão arterial em casa

O Dr. Israel Reis destacou a importância de conscientizar a população sobre os riscos...
Saúde
Nutróloga explica estratégias avançadas para emagrecimento saudável

Nutróloga explica estratégias avançadas para emagrecimento saudável

Dra. Aline Jardim enfatiza que a estética está muito avançada nesses critérios e que...