Feira de Santana

Escolas municipais recebem o Selo “Escola Leitora e Escritora” durante a Feira Literária

A cerimônia de entrega dos certificados com o selo Escola Leitora e Escritora aconteceu na manhã desta quarta-feira, 27, no palco da Flifinha, na Flifs.

29/09/2023 15h37
Escolas municipais recebem o Selo “Escola Leitora e Escritora” durante a Feira Literária
Foto: Patrícia Laís

O segundo dia de Feira Literária de Feira de Santana (Flifs) foi ainda mais especial para 58 escolas municipais que foram homenageadas pelo destaque na primeira edição da Campanha de Leitura, realizada pela Secretaria Municipal de Educação no ano passado. A cerimônia de entrega dos certificados com o selo Escola Leitora e Escritora aconteceu na manhã desta quarta-feira, 27, no palco da Flifinha, na Flifs.

O selo da Campanha de Leitura e Escrita homenageia a professora Ana Angélica Vergne de Morais, mestra em literatura e cultura brasileira com grande contribuição para a educação pública de Feira de Santana. Ana Angélica, que faleceu em janeiro do ano passado, foi representada pelo esposo, o também professor José Jerônimo Morais.

“Ana era mestra em convidar as pessoas a sair de onde estavam. Educar é isso, mostrar outros caminhos, outros cenários para as pessoas. Ela fazia isso com muita humildade e generosidade. Estou muito feliz em estar aqui fazendo parte desta homenagem,” disse.

Ao longo do ano passado as escolas municipais realizaram projetos de incentivo à leitura e escrita. Na Escola Municipal Chico Mendes, por exemplo, os estudantes criaram uma cordelteca – biblioteca de cordéis. Segundo a secretária municipal de Educação, as ações despertaram também a criatividade de todos acerca das inúmeras possibilidades de atrair a atenção dos alunos para temáticas importantes.

“É com muita alegria que entregamos esse selo de reconhecimento às escolas aqui na Flifs, um evento diversificado, que envolve linguagens literárias diversas e atrativas. É mais uma forma de incentivar o hábito da leitura a toda comida escolar”, pontuou Anaci Paim.

Para os diretores e professores das escolas homenageadas a certificação traz também um impulso para levar os projetos adiante para criar outros trabalhos para a edição deste ano da campanha. “Nós já temos novos trabalhos que vão ser inscritos agora em 2023, nossa meta é ser uma escola leitora e escritora todo ano, independente da campanha acontecer”, prometeu a diretora da Escola Municipal Nossa Senhora das Candeias, Ana Célia Dantas.

*Ascom

Comentários

Leia também

Feira de Santana
Publicado decreto de Situação de Emergência por conta das chuvas em Feira

Publicado decreto de Situação de Emergência por conta das chuvas em Feira

Somente na tarde desta terça foram registrados 65mm em 4 horas
Feira de Santana
Câmara de Dirigentes Lojistas realiza whorkshop com Alberto Serrentino

Câmara de Dirigentes Lojistas realiza whorkshop com Alberto Serrentino

Na edição deste ano, que será nesta quinta-feira (22), às 19h30, no teatro da CDL,...
Feira de Santana
Mais de 1.300 crianças são vacinadas contra a dengue em Feira de Santana

Mais de 1.300 crianças são vacinadas contra a dengue em Feira de Santana

Somente nesta terça-feira (20), a Secretaria Municipal de Saúde vacinou 305 crianças...