Feira de Santana

Empresários e Associações de Feira de Santana comentam cancelamento da Micareta 2022

Entre entidades da cidades e empresários que participam da festa, a decisão do prefeito foi acertada.

29/07/2022 11h09
Empresários e Associações de Feira de Santana comentam cancelamento da Micareta 2022
Foto: ACM

Levando em conta, principalmente, a nova onda da Covid-19, que fez quase 6 mil casos agora em julho, e a varíola dos macacos, o prefeito Colbert Martins decidiu suspender a Micareta marcada para setembro.

A Micareta de Feira de Santana tradicionalmente é realizada no mês de abril, por conta da pandemia da Covid-19, a festa não pôde ser organizada nos últimos dois anos. Este ano, a intenção da prefeitura, após sugestão de empresários do ramo do entretenimento, era realizar a festa no mês de setembro. Entre entidades da cidades e empresários que participam da festa, a decisão do prefeito foi acertada.

De acordo com o presidente da Associação Comercial e Empresarial de Feira de Santana, Genildo Melo, o momento não é propício para a realização da festa.

“A Associação Comercial e Empresarial de Feira de Santana viu como uma atitude absolutamente sensata por parte do prefeito do município de Feira de Santana, seria uma temeridade a realização de uma festa com tamanho apelo popular, como é a micareta de Feira de Santana, exatamente quando estamos registrando o recrudescimento da covid-19, portanto a Associação Comercial bem como as demais entidades representativas do empresariado em Feira de Santana apoia o cancelamento da Micareta no mês de setembro de 2022. Lamentamos, o ideal é que estivéssemos em um cenário propício à festa, porque isso geraria renda para a cidade, mas infelizmente o momento não é propício.”

Segundo Getúlio Andrade, presidente do Sindicato de Hotéis, bares e Restaurantes de Feira de Santana, mesmo que a festa traga um grande público para a cidade, a decisão do cancelamento foi prudente.

“A entidade vê a decisão do prefeito como uma decisão prudente, ele além de ser um gestor preocupado com essa questão da saúde, por formação é médico e a gente percebe que a decisão foi tomada em cima de números e com um agravante a mais que é a varíola dos macacos, então a gente entende como uma decisão prudente. A gente entende que um evento desse sempre traz um um público acrescido, mas se também levarmos em conta que por tradição o evento sempre ocorreu no mês de abril, esse ano seria algo diferenciado.”

O cantor e produtor, Paulo Bindá, também concordou com a decisão do prefeito para cancelamento da festa e sugeriu que se faça um melhor planejamento para o ano que vem.

“Mesmo sendo artista e participando dessa festa há algum tempo, a gente tem que vir a concordar com o prefeito. A gente sabe que a doença está aí e que existe essas possibilidades da saúde pública entrar num colapso e agora é torcer pra que venha a normalidade e ele possa se organizar melhor pra fazer uma grande festa o ano que vem, com mais segurança nessa parte de saúde, com mais tempo para organizar e a minha sugestão também é que ele faça outros circuitos alternativos, em bairros, descentralizando um pouco a festa.”

Walter Lima, fundador do tradicional bloco Lá Vem Elas, considerou a medida acertada e defendeu a realização da micareta de 2023 em setembro.

“É lamentável a gente ver a micareta na situação que está, porque demorou-se muito para decidir a micareta para setembro que foi um desejo de muita gente que faz a festa e que já vinham discutindo isso desde antes da pandemia, mas o prefeito foi sensível ao pleito. Eu achei uma medida acertada, no entanto demorou bastante para se tomar essa decisão e acabou que ficou um período muito curto para realização da festa e ainda mais agora com a questão do aumento da covid. Eu entendo que a micareta de Feira de Santana deve ser mantida para 2023 e que seja experimentada a micareta em setembro.”

Comentários

Leia também

Feira de Santana
Especialista explica mudanças no auxílio doença  e na perícia médica do INSS

Especialista explica mudanças no auxílio doença e na perícia médica do INSS

A nova determinação do Ministério do Trabalho e Previdência garante que, caso a perícia...
Feira de Santana
Comércio de Feira funciona até às 17h nesta véspera do Dia dos Pais

Comércio de Feira funciona até às 17h nesta véspera do Dia dos Pais

Shoppings centers também funcionam em horário especial
Feira de Santana
Novo piso salarial dos agentes comunitários e de endemias é sancionado pelo prefeito

Novo piso salarial dos agentes comunitários e de endemias é sancionado pelo prefeito

O piso salarial será pago aos servidores que cumprem jornada de 40 horas semanais