Feira de Santana

Empreendedor relata como buscou inovação no ramo da gastronomia

Para ter sucesso, é essencial buscar pelo seu diferencial

10/12/2022 11h19
Empreendedor relata como buscou inovação no ramo da gastronomia
Foto: Reprodução/Instagram

HORA DO EMPREENDEDORISMO (PRINCESA FM 96.9)

Dotado de oportunidades, o ramo da gastronomia é um dos segmentos que mais gere empreendedores. Em Feira de Santana, o Satê Sushi Lounge é destaque em culinária japonesa, atraindo diversos clientes. Comando pelo empresário Bruno Barros, o empreendimento tem quase 12 anos atuando na cidade.

O empresário era parte do ramo de logística, mas mudou de carreira para o empreendedorismo gastronômico, escolhendo a culinária japonesa como seu nicho, que na época não era tão popular em Feira. Em 2009, o negócio começou a atuar na cidade.

“A culinária japonesa é uma culinária diferente, por ser diferente resolvi aceitar e me desafiar, porque gosto de desafios. Poderia tentar com coisas mais fáceis, mas preferi a japonesa por conta dessa diferença”, disse Bruno, em entrevista ao De Olho na Cidade.

Segundo o empresário, para efetuar um bom trabalho, é necessário ter conhecimento sobre cada processo envolvido, sendo este o principal desafio. Além de entender o modo de preparo do alimento, é necessário ter noção da logística de produção, como quantidades e lotes necessários, por exemplo. 

“São várias dificuldades, mas o que eu levo dos desafios é sempre inovar. É a dica que eu dou para o empreendedor: inove, seja diferente e não fique olhando para os seus concorrentes”.

O empreendedor destaca o cuidado ao se comparar com a concorrência, sendo necessário ter pensamento crítico para avaliar o cenário e buscar inspirações. É essencial que cada dono de negócio busque a sua identidade própria.

Durante a pandemia, o empreendimento buscou inovar com diversas opções de delivery para atender aos clientes em casa. Segundo Bruno, as caixas de delivery eram montadas pensando em deixar o consumidor acolhido por uma boa refeição.

“Pensamos em promover um aconchego em casa. Depois criamos o rodízio, que já tinha em outros restaurantes, mas no nosso não, então investimos na nossa qualidade e no nosso diferencial. O nosso rodízio é específico, não é aquele ‘muito pronto’, nós fazemos algo mais trabalhado e diferenciado”.

OUTROS EMPREENDIMENTOS

Além do Satê Sushi Lounge, Bruno também cuida de outros empreendimentos, como o “Bar 5571”, localizado no Farol da Barra de Salvador, e voltado ao público turista. 

“Eu tenho que me dividir em dois ou três mas aí que está um dos grandes desafios do empreendedor: ter os seus colaboradores, de confiança e de qualidade, para que assim você consiga dar conta de tudo”

Comentários

Leia também

Feira de Santana
Prefeitura de Feira amplia para 592 vagas do concurso público

Prefeitura de Feira amplia para 592 vagas do concurso público

A medida consta em edição do Diário Oficial Eletrônico desta sexta-feira (21).
Feira de Santana
Dia do Skate: destaques em Feira recebem moção de aplausos da Câmara

Dia do Skate: destaques em Feira recebem moção de aplausos da Câmara

Moções de Aplauso, protocoladas na Câmara Municipal de Feira de Santana, homenageiam...
Feira de Santana
Líderes empresariais de Feira de Santana criticam possível aumento do ICMS pelo Governo do Estado

Líderes empresariais de Feira de Santana criticam possível aumento do ICMS pelo Governo do Estado

Marco Silva destacou ainda a preocupação com os efeitos econômicos negativos desses...