Política

Em seu governo, Jerônimo Rodrigues quer mais indústrias e menos importações

Ao De Olho na Cidade, o petista também destacou projetos para a agricultura familiar e o Centro Industrial Subaé.

24/07/2022 12h00
Em seu governo, Jerônimo Rodrigues quer mais indústrias e menos importações
Foto: Rafael Marques

Com desenvolvimento tecnológico em pauta, o pré-candidato ao governo da Bahia, Jerônimo Rodrigues (PT), incluiu a industrialização e o agronegócio no PGP. Ao De Olho na Cidade, o petista também destacou projetos para a agricultura familiar e o Centro Industrial Subaé.

“Eu não vou me cansar, vou correr atrás de indústrias para que sejam instaladas aqui em Feira, para que possamos reanimar a geração de empregos e movimentar mais a economia. Isso será dialogado com a Federação e com o Centro Industrial”, afirmou.

A respeito da agricultura familiar, o candidato pretende ter foco na inclusão, reajustando, principalmente, o mapa da fome. Ele pretende unir forças dentro de igrejas e outros setores do governo para ‘tornar o governo da Bahia e, consequentemente, o Brasil, mais justo’.

“Enquanto houver um brasileiro com fome, o Brasil não pode falar em liberdade, ou felicidade”, pontua.

Para o desenvolvimento agropecuário, o pré-candidato pretende cessar as importações de produtos, como a farinha de mandioca, frango, ovos e algumas frutas.

“Temos que parar de importar, pois temos condições de produzir. Caso a produção seja centrada no Estado, os objetivos de geração de emprego e desenvolvimento econômico serão encaminhados”.

Na cobertura das eleições 2022, o Jornal do Meio Dia (Princesa FM) e De Olho na Cidade (Sociedade News), sob a coordenação e apresentação de Jorge Biancchi, iniciou uma série de entrevistas com pré-candidatos ao governo da Bahia, onde serão destinados 30 minutos para cada um dos representantes. O pré-candidato Jerônimo Rodrigues, do Partido dos Trabalhadores, foi o primeiro participante.

Foto: Rafael Marques

Comentários

Leia também

Política
Quase 1,3 milhão declararam algum tipo de deficiência nas eleições deste ano, diz TSE

Quase 1,3 milhão declararam algum tipo de deficiência nas eleições deste ano, diz TSE

Este é um aumento de 35% comparado com às eleições de 2018.
Política
Lula indica preferência por Mauro Vieira no Palácio do Itamaraty

Lula indica preferência por Mauro Vieira no Palácio do Itamaraty

Ex-chanceler de Dilma Rousseff teria o apoio de Celso Amorim, que deve ser ocupar um cargo...
Política
Rui Costa expressa solidariedade às famílias baianas afetadas pelas fortes chuvas

Rui Costa expressa solidariedade às famílias baianas afetadas pelas fortes chuvas

Através de suas redes sociais, o governador também explicou quais medidas serão tomadas...