Bahia

Economia baiana deve ter expansão de 3,1% este ano, projeta Fieb

Estudo da Federação das Indústrias aponta expansão de 4,5% na agropecuária e no setor fabril e de 2,4% nos serviços

28/06/2022 12h30
Economia baiana deve ter expansão de 3,1% este ano, projeta Fieb
Foto: Divulgação Acelen

A economia baiana deve crescer 3,1% este ano, de acordo com o Relatório Técnico Estimativa do PIB, da Federação das Indústrias (Fieb). O Produto Interno Bruto ao final do ano deve chegar a R$ 358,8 bilhões, ante o R$ 347,9 bilhões apurados no ano passado.  De acordo com o levantamento, divulgado nesta terça-feira (28), a estimativa é que agropecuária e setor fabril avancem 4,5%, enquanto o setor de comércio e serviços crescerá 2,4%.

O estudo segue uma metodologia criada em 2020, considerando dados do IBGE, da SEI/Secretaria do Planejamento dos quatro primeiros meses do ano e tendência do mercado. “O relatório traz ainda dados sobre a performance dos setores que compõem a economia local e uma análise que indica que, mesmo com um índice positivo, o resultado não é suficiente para comemoração, pois está muito aquém das necessidades da sociedade”, afirmou a Fieb, em nota.

Na indústria, o crescimento projetado é sustentado por uma alta de 38,3% no ramo de refino de Petróleo. Esta expansão, conforme o estudo, é atribuída à sinalização da Acelen – gestora da refinaria Mataripe – de operar próxima da capacidade plena  e a uma parada ocorrida em abril e maio do ano passado, que deprimiu a base de comparação. Na construção civil, o bom desempenho do ano passado deve continuar, com alta estimada em 4,4%.

Já no comércio, apesar da atividade voltar a níveis pré-pandemia de Covid-19, “espera-se que a alta dos preços (que encareceu os produtos destinados ao consumidor final) e o aumento dos juros (que afeta o crediário) reduzam o ímpeto do consumo, mas esse movimento deve ser compensado pela recuperação do nível de emprego (que elevará a massa salarial em circulação).” As atividades de serviços avançaram 14,2% nos quatro primeiros meses do ano.

Na agropecuária, a estimativa para o comportamento baiano considera os dados de abril do Levantamento Sistemático da Produção Agrícola (LSPA), feito pelo IBGE e com desdobramentos dos dados regionais realizados pela SEI. “A produção de cereais, oleaginosas e leguminosas da Bahia deverá crescer 6,2% neste ano, com safra recorde de 11,16 milhões/toneladas”.

*Bahia.ba

Comentários

Leia também

Bahia
Quase 3 mil pessoas ficam desalojadas após forte chuva no extremo sul da Bahia

Quase 3 mil pessoas ficam desalojadas após forte chuva no extremo sul da Bahia

Pelo menos cinco comunidades do município de Prado ficaram isoladas
Bahia
Com investimentos de 269 milhões, GOENER assina protocolo de intenção para implantação em Conceição da Feira

Com investimentos de 269 milhões, GOENER assina protocolo de intenção para implantação em Conceição da Feira

A empresa será implantada no lago do Rio Jacuípe na região da Estrada Grande
Bahia
Governador promete retorno obrigatório de máscara em ‘alguns locais’ para conter Covid

Governador promete retorno obrigatório de máscara em ‘alguns locais’ para conter Covid

'Vamos fazer um balanço e muito provavelmente vamos adotar medidas de maior proteção,...