Bahia

E-agro: 4ª edição do evento pretende movimentar economia do setor

Evento ocorre nos dias 3 a 5 de novembro em Salvador

27/10/2022 12h00
E-agro: 4ª edição do evento pretende movimentar economia do setor
Foto: Reprodução/Site oficial E-agro

Prometendo ser a grande vitrine da tecnologia e inovação para o campo, a quarta edição do E-agro acontece nos dias 3 a 5 de novembro, no Centro de Convenções em Salvador.  Mais de 100 empresas do segmento se preparam para expor o que há de mais moderno em maquinário, drones, software e insumos que otimizam a produção agropecuária, atraindo produtores rurais da Bahia e de estados vizinhos.

Segundo o vice-presidente administrativo da  Federação da Agricultura e Pecuária da Bahia (Faeb), Guilherme Moura, o principal objetivo do evento é levar tecnologia ao produtor rural, uma vez que o Brasil é um grande ‘player’ mundial na produção agropecuária: “Tentamos atrair os produtores das mais diversas áreas, então temos empresas de máquinas, equipamentos, insumos, fertilizantes,  defensivos, drones. Como é uma Feira de inovação, também buscamos startups do Brasil inteiro”, disse o vice-presidente ao De Olho na Cidade.

A feira será palco de grandes negócios. A organização calcula movimentar, nos três dias de evento, pelo menos R$ 50 milhões, um incremento de 25% em relação ao ano anterior. A edição passada da feira itinerante foi realizada em Teixeira de Freitas, no Extremo Sul baiano, e contabilizou R$ 40 milhões em volume de negócios. A estimativa da Faeb e do Sebrae, realizadores do evento, é que a e-Agro 2022 gere, ainda, 500 postos de trabalho temporários. 

As principais instituições financeiras que atuam com crédito rural já estão confirmadas. Banco do Brasil e Banco do Nordeste estarão prontos para negociar crédito com os melhores juros do mercado e condições facilitadas de parcelamento. Com linhas de financiamento específicas para a aquisição de equipamentos, veículos, insumos e tecnologias ligadas ao setor agropecuário, a presença dos bancos em um só local é uma das vantagens para o público da e-Agro.

“O agro brasileiro é altamente tecnológico. O produtor rural tem esse apetite pela inovação que o permite produzir com sustentabilidade, e a feira vem justamente para suprir essa necessidade, encurtando o caminho entre o homem do campo e o mercado. Nossa expectativa é gerar bons negócios para o público rural e, além de proporcionar lazer e entretenimento, apresentar o Agro para o público urbano”, observou o vice-presidente.

Além disso, também será pautado a utilização de fontes de energias sustentáveis, como a energia solar ou energia eólica: “Vamos ter um espaço na Feira só para mostrar as soluções sustentáveis que o segmento agropecuário baiano e brasileiro tem. Nós somos, além de grandes produtores de alimentos, uma produção muito sustentável, e o público, sobretudo urbano, precisa ter consciência disso. Então estaremos mostrando vários modelos de produção que temos com a pegada da sustentabilidade”.

Comentários

Leia também

Bahia
Equipe do CBMBA recupera nono corpo no Rio Grande do Sul

Equipe do CBMBA recupera nono corpo no Rio Grande do Sul

Os militares permanecem à procura de mais quatro familiares desaparecidos.
Bahia
Modelo de concessão e plano de investimentos da Coelba serão alvos de audiências públicas na Assembleia Legislativa

Modelo de concessão e plano de investimentos da Coelba serão alvos de audiências públicas na Assembleia Legislativa

Deputado Robinson Almeida é autor das propostas de discussão, aprovadas pelos deputados ...
Bahia
Bombeiros da Bahia recuperam mais um corpo de vítima das enchentes no RS

Bombeiros da Bahia recuperam mais um corpo de vítima das enchentes no RS

Cadáver foi localizado sob escombros no município de Roca Sales, no Vale do Taquari ...