Política

Dino bate recorde em número de inquéritos abertos pela PF a pedido do Ministério da Justiça

Em sete meses à frente do ministério, já foram 78 investigações, segundo levantamento realizado pelo jornal O Globo. 

03/09/2023 18h19
Dino bate recorde em número de inquéritos abertos pela PF a pedido do Ministério da Justiça
Foto: Wilson Dias/Agência Brasil

Desde que assumiu a pasta, o ministro da Justiça, Flávio Dino,  bateu recorde no número de pedidos de instauração de inquéritos à Polícia Federal. Em sete meses à frente do ministério, já foram 78 investigações, segundo levantamento realizado pelo jornal O Globo. 

Antes mesmo de completar um mês no comando da pasta, Dino já havia determinado à PF, corporação vinculada ao ministério, que investigasse a possibilidade do ex-presidente Jair Bolsonaro ter cometido crime de genocídio contra os povos ianomâmis durante seu governo.

Ao jornal, o ministério informou que metade dos inquéritos foi aberta por determinação direta do ministro. Entre elas, 29 eram para apurar crimes contra o presidente Lula (PT) e 10 para investigar condutas com “repercussão interestadual ou internacional”. A legislação só permite que a pasta determine uma investigação nesses dois casos.

Esse tipo de conduta não era tão comum. Segundo o levantamento do jornal, considerando os sete primeiros meses do ano, entre 2013 e 2019, apenas 3 investigações foram determinadas pelo ministério. Foi a partir do governo do próprio Bolsonaro que isso passou a ficar comum. Nos sete primeiros meses de 2020, por exemplo, 40 foram encomendados, nos dois anos seguintes esse número cresceu para 58 e 49 respectivamente.

*Metro1

Comentários

Leia também

Política
Durante viagem ao Egito, Lula deve discutir guerra entre Israel e Hamas e assinar acordo na área de bioenergia, diz Itamaraty

Durante viagem ao Egito, Lula deve discutir guerra entre Israel e Hamas e assinar acordo na área de bioenergia, diz Itamaraty

Presidente embarcou nesta terça-feira (13) em direção ao Cairo, capital do Egito
Política
Alvo da PF, Bolsonaro só deve ser convocado para prestar depoimento no segundo semestre

Alvo da PF, Bolsonaro só deve ser convocado para prestar depoimento no segundo semestre

Mauro Cid, ex-ajudante de ordens de Bolsonaro, deve depor até março
Política
Coronel alvo de operação da PF que investiga tentativa de golpe de estado é preso após desembarcar no Brasil

Coronel alvo de operação da PF que investiga tentativa de golpe de estado é preso após desembarcar no Brasil

O militar passou pela audiência de custódia e teve a sua prisão mantida