Polícia

Depois da PF negar, associação indígena também diz que corpos não foram encontrados

Univaja também está atuando nas buscas de Bruno e Dom Phillips e negou que os corpos tenham sido encontrados

13/06/2022 16h48
Depois da PF negar, associação indígena também diz que corpos não foram encontrados
Foto: Montagem / Redes Sociais

Depois de a Polícia Federal (PF) negar, a associação indígena que denunciou o desaparecimento do indigenista Bruno Pereira e o jornalista Dom Philips também negou, nesta segunda-feira (13), que os corpos dos dois tenham sido encontrados. A dupla está desaparecida há mais de uma semana na região do Vale do Javari, no Amazonas.

“O Comitê de crise, coordenado pela Polícia Federal/AM, informa que, não procedem as informações que estão sendo divulgadas a respeito de terem sido encontrados os corpos do Sr. Bruno Pereira e do Sr. Dom Phillips”, informou a Polícia Federal em nota.
A União dos Povos Indígenas do Vale do Javari (Univaja) também negou. “Não confirmamos a informação de terem encontrado corpos”, disse Eliésio Marubo, assessor jurídico da Univaja.

Conforme o g1, Paul Sherwood, cunhado de Dom Phillips, disse que a informação de que os corpos haviam sido encontrados foi repassada nesta segunda-feira (13) à família por um representante da embaixada brasileira no Reino Unido.

*Metro1

Comentários

Leia também

Polícia
Secretário e Comandante da PM avaliam dados do anuário da Segurança; Feira é apontada como 3ª mais violenta

Secretário e Comandante da PM avaliam dados do anuário da Segurança; Feira é apontada como 3ª mais violenta

O secretário municipal de Prevenção à Violência, Moacir Lima, afirmou que ainda não...
Polícia
PF e PM apreendem cédulas falsas entregues pelos Correios

PF e PM apreendem cédulas falsas entregues pelos Correios

Após realizar a abordagem de dois veículos, que estavam em atitude suspeita, encontraram...
Polícia
Adolescente solicita medida protetiva da Justiça após ser agredida por namorado

Adolescente solicita medida protetiva da Justiça após ser agredida por namorado

Vítima foi agredida há cerca duas semanas e desde então está escondida, por medo do...