Política

Datafolha/Metropole: Otto Alencar tem 41%; Cacá Leão, 19% e Raíssa Soares 7%

A terceira rodada da pesquisa Datafolha foi divulgada nesta quarta-feira (21)

21/09/2022 17h28
Datafolha/Metropole: Otto Alencar tem 41%; Cacá Leão, 19% e Raíssa Soares 7%
Foto: Divulgação

A terceira rodada da pesquisa Datafolha, contratada pela Rádio Metropole, aponta que o senador e candidato à reeleição Otto Alencar (PSD) lidera a disputa ao Senado, com 41% das intenções de votos. O pessedista oscilou 2% para cima na comparação com a sondagem de opinião do dia 14 de setembro, antes tinha 39%.

O deputado federal Cacá Leão (PP) permanece em segundo lugar, com 19%. Na comparação com o levantamento anterior, o progressista oscilou positivamente 3.pp – antes, tinha 16%. O resultado é da pesquisa estimulada. A bolsonarista Raíssa Soares (PL) se manteve estável, com 7% das intenções de votos, oscilando 1 pp. para baixo.

Cícero Araújo (PCO) tem 3%, Tâmara Azevedo (Psol) tem 3%, e Marcelo Barreto Luz para Todos (PMN) aparece com 3%. A pesquisa aponta que brancos e nulos somam 13%, já não sabem é de 12%. O nível de confiança é de 95%.

A pesquisa ouviu 1.526 eleitores, e foi feita entre 19 e 21 de setembro. A margem de erro é 3pp. O nível de confiança é de 95%. A consulta está registrada no TSE : BA-07738/2022 e BR-09822/2022.

*Metrópoles

Comentários

Leia também

Política
Deputado Leandro de Jesus analisa decisões estratégicas do PL para eleições municipais na Bahia

Deputado Leandro de Jesus analisa decisões estratégicas do PL para eleições municipais na Bahia

Leandro ressaltou a importância da participação do PL no processo eleitoral, especialmente...
Política
Defesa de Bolsonaro entra com ação no STF para anular investigação sobre joias

Defesa de Bolsonaro entra com ação no STF para anular investigação sobre joias

A defesa do ex-presidente considera que a forma como a apuração foi instaurada pelo ministro...
Política
Moraes nega pedido de Bolsonaro para adiar depoimento à PF

Moraes nega pedido de Bolsonaro para adiar depoimento à PF

Segundo o ministro do STF, não compete ao investigado 'escolher a data e horário de seu...