Bahia

Com shows de Del Feliz e Dorgival Dantas, São Gonçalo deu início a primeira edição do Cidade Jardim Festival.

O palco do Jardim do Forró, que segue até o dia 26 de junho, recebeu também os shows da Orquestra Sanfônica de Serrinha, que em seu repertório apresentou a música “Asa Branca”

12/06/2022 15h37
Com shows de Del Feliz e Dorgival Dantas, São Gonçalo deu início a primeira edição do Cidade Jardim Festival.

O cantor, compositor, instrumentista e produtor musical, Dorgival Dantas, abriu a programação de shows do Cidade Jardim Festival neste sábado (11), em São Gonçalo dos Campos.

O palco do Jardim do Forró, que segue até o dia 26 de junho, recebeu também os shows da Orquestra Sanfônica de Serrinha, que em seu repertório apresentou a música “Asa Branca”, considerada o hino nordestino, e Del Feliz, conhecido como “embaixador do forró”. O maior evento artístico e cultural da Bahia, estreou com atrações conhecidas como principais representantes do forró que trouxeram o clima de São João com sucessos que marcaram a época.

Com uma carreira de mais de três décadas, Dorgival Dantas se apresentou com grandes sucessos que marcaram a sua estrada na música brasileira, como “Paixão Errada”, “Tarde Demais”, “Valeu”, “Coração”, “Destá”, “Primeiro Passo”. “Estamos apenas no primeiro dia de 42 dias de calendário artístico e cultural, que com certeza vai trazer muita alegria para toda região e aquecer a economia da nossa cidade”, disse o Prefeito Tarcísio Pedreira.

Comentários

Leia também

Bahia
Bombeiros da Bahia recuperam mais um corpo de vítima das enchentes no RS

Bombeiros da Bahia recuperam mais um corpo de vítima das enchentes no RS

Cadáver foi localizado sob escombros no município de Roca Sales, no Vale do Taquari ...
Bahia
Salvador sedia pela primeira vez o Método CIS, maior evento de inteligência emocional do mundo

Salvador sedia pela primeira vez o Método CIS, maior evento de inteligência emocional do mundo

O Método CIS em Salvador representa não apenas uma oportunidade de crescimento pessoal,...
Bahia
Morre mais antiga ceramista do Brasil, Dona Candu, aos 104 anos

Morre mais antiga ceramista do Brasil, Dona Candu, aos 104 anos

Dona Candu se dedicou durante 90 anos pela arte produzida no distrito de Coqueiros, localizado...