Educação

Com corte de orçamento do MEC, Ifba e UFRB podem funcionar apenas até setembro

O governo federal determinou um corte de mais de R$ 3 bilhões no orçamento do MEC para o ano de 2022, em uma tentativa de atender ao teto de gastos

01/06/2022 12h36
Com corte de orçamento do MEC, Ifba e UFRB podem funcionar apenas até setembro
Foto: Divulgação UFRB

O Instituto Federal da Bahia (Ifba) e a Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) informaram, em nota enviada ao jornal Correio, que as atividades podem ser paralisadas nas unidades de ensino em setembro, em decorrência do corte orçamentário no Ministério da Educação (MEC).

O governo federal determinou um corte de mais de R$ 3 bilhões no orçamento do MEC para o ano de 2022, em uma tentativa de atender ao teto de gastos. Com isso, haverá um bloqueio linear de 14,5% no orçamento discricionário das universidades federais. 

O Ifba deixará de receber cerca de R$ 12,6 milhões, que seriam investidos nos 22 campi da instituição. 

Já a UFRB, comunicou que o bloqueio significa um corte de mais R$ 6,6 bilhões “que afetam diretamente a manutenção e o funcionamento institucional, comprometendo o pagamento de despesas essenciais, tais como: energia elétrica, água, serviços terceirizados, compra de materiais, manutenção predial e de equipamentos, bolsas e auxílios estudantis, bem como investimentos em equipamentos e obras também serão severamente comprometidos”, diz nota publicada pela a universidade.

*Metro 1

Comentários

Leia também

Educação
Inscrições para o 2º processo seletivo do Sisu terminam nesta sexta-feira

Inscrições para o 2º processo seletivo do Sisu terminam nesta sexta-feira

Resultado do processo seletivo será divulgado no dia 6 de julho
Educação
Uefs divulga Edital de Seleção para ingresso aos cursos de graduação pelo Sisu

Uefs divulga Edital de Seleção para ingresso aos cursos de graduação pelo Sisu

São ofertadas 1080 vagas, distribuídas entre 30 cursos da Uefs
Educação
Sisu abre inscrições nesta terça-feira

Sisu abre inscrições nesta terça-feira

Na Bahia são quase 6 mil vagas em sete universidades