Política

CNT/MDA: Lula tem 48,3% dos votos válidos; Bolsonaro registra 39,7%

A pesquisa do Instituto MDA foi contratada pela Confederação Nacional do Transporte (CNT).

01/10/2022 15h26
CNT/MDA: Lula tem 48,3% dos votos válidos; Bolsonaro registra 39,7%
Foto: Divulgação

O ex-presidente Lula segue na liderança da corrida presidencial, conforme aponta a pesquisa CNT/MDA, divulgada neste sábado (1º). A pesquisa do Instituto MDA foi contratada pela Confederação Nacional do Transporte (CNT). Lula tem 48,3% das intenções para votos válidos (quando são excluídos brancos, nulos e indecisos).

O presidente Jair Bolsonaro (PL) aparece com 39,7%. Como a margem de erro é de 2,2 pontos percentuais para cima e para baixo, o petista varia entre 50,5% e 46,1%. Portanto, Lula tem chance de ganhar no primeiro turno, caso tenha 50% mais 1 dos votos válidos, de acordo com a Lei das Eleições.

O ex-ministro Ciro Gomes (PDT) obteve 4,9% para votos válidos; a senadora Simone Tebet (MDB), 4,7%, e a senadora Soraya Thronicke (União Brasil), 1,3%. Pela margem de erro, eles estão tecnicamente empatados. Os demais candidatos não atingiram 1% das intenções.

A pesquisa foi realizada de 28 a 30 de setembro de forma presencial com 2002 pessoas, a um custo de R$ 168 mil. O nível de confiança é de 95%, e o registro no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) é BR-02944/2022. Esta é a última pesquisa do Instituto MDA antes do primeiro turno das eleições, que acontece neste domingo (2).

Nos votos totais (quando são considerados brancos, nulos e indecisos), Lula e Bolsonaro oscilaram para cima em relação à pesquisa anterior, divulgada há duas semanas. O ex-presidente flutuou 0,8 ponto (foi de 43,4% para 44,2%), enquanto o atual Chefe do Executivo variou 1,5 ponto (de 34,8% para 36,3%). Ciro Gomes (PDT) oscilou 1,1 ponto para baixo, ficando com 4,5% das intenções. Simone Tebet (MDB) flutuou 0,4 ponto para baixo e registrou 4,3%.

A senadora Soraya Thronicke (União Brasil) obteve 1,2% (antes, tinha 0,7%). Os três estão tecnicamente empatados na margem de erro. Felipe D’Ávila (Novo) tem 0,4%; Padre Kelmon (PTB), 0,3%; Sofia Manzano (PCB), 0,2%, e Vera Lúcia (PSTU), 0,1%. Leonardo Péricles (UP) e Eymael (DC) não pontuaram.

Na pesquisa espontânea, em que o entrevistado não recebe a lista com os nomes dos candidatos, Lula e Bolsonaro cresceram em comparação com o cenário anterior. Lula (PT): 41,6% (tinha 39,3%) Jair Bolsonaro (PL): 35,3% (tinha 31,6%) Ciro Gomes (PDT): 3,1% (tinha 3,6%) Simone Tebet (MDB): 3,1% (tinha 2,3%) Outros: 0,8% Branco/nulo: 4,5% Indecisos: 11,5% Segundo turno O instituto também fez cinco simulações de segundo turno. Nelas, Lula ganha de Bolsonaro, Ciro e Tebet; o atual presidente aparece empatado tecnicamente com Ciro e Tebet.

*Bahia Notícias

Comentários

Leia também

Política
Senado aprova projeto que flexibiliza regularização de terras na Amazônia
Política
Alckmin anuncia investimento de R$ 270 milhões para inovação do setor automobilístico

Alckmin anuncia investimento de R$ 270 milhões para inovação do setor automobilístico

O investimento fará parte do programa de modernização da área, nomeado como Rota 2030...
Política
MPF marca oitiva de Zé Ronaldo em caso de desvio de milhões na saúde

MPF marca oitiva de Zé Ronaldo em caso de desvio de milhões na saúde

O ex-prefeito será interrogado pelo MPF no próximo dia 14 de dezembro, na sede da Justiça...