Feira de Santana

Centro de Saúde do Trabalhador alerta para aumento dos acidente de trabalho

Este ano foram notificados 130 casos

28/07/2022 12h10
Centro de Saúde do Trabalhador alerta para aumento dos acidente de trabalho
Foto: Jorge Magalhães

Feira de Santana registra crescimento significativo do número de acidentes de trabalho, principalmente após a flexibilização das atividades comerciais e retorno do trabalho presencial. A informação é do Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest), no Dia Nacional de Prevenção a Acidentes de Trabalho – celebrado nesta quarta-feira, 27.

De janeiro a junho deste ano, o Cerest notificou 130 acidentes graves de trabalho, número que representa um aumento de 550% em comparação com o índice notificado no ano anterior – 20 ocorrências.

“Essa crescente reflete a volta ao trabalho presencial. Alguns agravos estão relacionados à saúde do trabalhador e, muitas vezes, essa pode ser a causa de um acidente maior. É necessário ter um olhar diferenciado para os fatores mentais associados ao trabalho, pensar no equilíbrio da cabeça, do corpo e da mente”, avalia Verena Liberal, coordenadora do órgão – vinculado à Secretaria Municipal de Saúde.

A coordenadora aponta ainda que o órgão tem realizado monitoramento, inspeções e processos de trabalho para reduzir o risco à saúde dos trabalhadores. Este tipo de acidente pode ser configurado inclusive durante o trajeto – indo ou voltando – ao local de trabalho. Além disso, as doenças relacionadas à saúde mental também são uma preocupação.

Nos anos de 2020 e 2021, o Cerest de Feira de Santana apresentou o melhor desempenho em uma avaliação nacional realizada pelo Ministério da Saúde, alcançando 115 pontos – o índice máximo é 150. Esta avaliação possui o objetivo de contribuir com a qualificação dos Cerest por meio do Plano Nacional de Saúde 2020/2023, que visa qualificar as equipes conforme as necessidades da Rede Nacional de Atenção à Saúde do Trabalhador (Renast).

Inaugurado em 2004, o Cerest presta atendimento aos trabalhadores com o estabelecimento do nexo causal, para reconhecer o adoecimento no trabalho, além de realizar inspeções em ambiente e processo de trabalho, vigilância epidemiológica em saúde do trabalhador e educação.

Nesse contexto, o órgão atua em conjunto com a Divisão de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde, sendo possível acionar o serviço através do telefone (75) 3623-7552 ou presencialmente na sede do órgão, que está localizada na Avenida Presidente Dutra, s/n, Capuchinhos.

*Secom

Comentários

Leia também

Feira de Santana
Líquida Feira! Contemplados receberam os prêmios nesta quarta-feira (17) 
Feira de Santana
Vacinação infantil é afetada por falta de abastecimento do Ministério da Saúde
Feira de Santana
Procura pela vacina contra a paralisia infantil é baixa em Feira

Procura pela vacina contra a paralisia infantil é baixa em Feira

Neste sábado, 20, no dia D de mobilização contra a paralisia infantil todas as unidades...