Bahia

Cade abre investigação por ‘possível prática anticompetitiva’ da refinaria de Mataripe

Será investigada a conduta da empresa e os preços de venda de óleo cru praticados pela Petrobras para a empresa

06/06/2022 06h50
Cade abre investigação por ‘possível prática anticompetitiva’ da refinaria de Mataripe
Foto: Carol Garcia/GOVBA

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) abriu um inquérito administrativo para investigar se existe conduta de infração concorrencial com referência a preços praticados pela refinaria de Mataripe (BA), operada pela Acelen. Será investigada a conduta da empresa e os preços de venda de óleo cru praticados pela Petrobras para a empresa.

Segundo o Globo, a abertura de inquérito foi sugerida pelo Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo da Bahia ao Cade, que regulamenta a concorrência no Brasil. O pedido se refere a um procedimento preparatório que havia sido aberto no Cade para investigar o caso e que, recentemente, havia sido arquivado.

Ao Cade, os sindicatos indicaram que a Acelen supostamente estaria comercializando gasolina A e diesel S10 por preços mais elevados no Estado da Bahia, relativamente a outros Estados para onde fornece menores quantidades desses combustíveis, com custos logísticos maiores.

*Bahia Notícias

Comentários

Leia também

Bahia
Ipecaetá: Prefeitura entrega mais uma escola totalmente requalificada

Ipecaetá: Prefeitura entrega mais uma escola totalmente requalificada

A Escola Iêda Barradas Carneiro é mais uma das mais de 22 escolas do município que já...
Bahia
Prefeito Dudy anuncia programação especial para celebração do aniversário de Ipirá

Prefeito Dudy anuncia programação especial para celebração do aniversário de Ipirá

O evento contará com apresentações musicais de renome, como Limão com Mel, Tayrone...
Bahia
Lei que garante meia-entrada a pessoas com autismo e acompanhante é sancionada

Lei que garante meia-entrada a pessoas com autismo e acompanhante é sancionada

A iniciativa foi proposta pelo deputado estadual Júnior Muniz e validada pelo governador...